Qualificação GP Mónaco 2014 em F1, directo
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

14:15 Não perca, já de seguida, a antevisão da corrida e a análise à sessão de Qualificação, aqui no VAVEL.com. Obrigado por estar connosco em mais um directo da Fórmula 1!

14:13 Na conferência de imprensa após a sessão, Nico Rosberg estava visivelmente feliz, afirmando que «o primeiro lugar é o melhor para partir no Mónaco». Apesar de Rosberg ter lamentado que o seu erro tivesse retirado a possibilidade de resposta a Hamilton, que consequentemente viu as bandeiras amarelas, o piloto inglês estava claramente aborrecido no final da Qualificação, tendo oferecido parca resposta às perguntas dos jornalistas. Sobe de tom a tensão no seio da Mercedes.

14:09 Os 10 primeiros a partir na corrida de amanhã serão, por esta ordem:

1 Rosberg Mercedes
2 Hamilton Mercedes
3 Ricciardo Red Bull
4 Vettel Red Bull
5 Alonso Ferrari
6 Räikkönen Ferrari
7 Vergne Toro Rosso
8 Magnussen McLaren
9 Kvyat Toro Rosso
10 Perez Force India

14:06 Daniel Ricciardo faz o terceiro tempo. Volta o australiano a bater o seu colega, Sebastian Vettel, que largará em 4º. Os Ferraris serão 5º e 6º, com Alonso e Räikkönen.

14:03 Rosberg finalmente bate Hamilton, como vinha tentando repetir desde a primeira prova da época. Rosberg, único piloto no segundo 15, será o primeiro a partir no domingo. Hamilton vê interrompida a sua série de 4 pole positions consecutivas, e terá de preparar agora o ataque à corrida de amanhã, onde o seu colega sairá da pole.

FINAL DA Q3! A POLE É DE ROSBERG!

14:01 Apesar do erro, pole position para Nico Rosberg, tal como no ano passado! Hamilton viu as bandeiras amarelas junto da Mirabeau e teve de levantar o pé.

14:00 Erro grave para Rosberg, e o alemão fica com a pole em risco! Falha a travagem na Mirabeau e é obrigado a fugir pela escapatória. Com os segundos finais da Q3 a esfumarem-se, tudo nas mãos de Hamilton!

13:58 Depois de quase todos os carros irem às boxes, Räikkönnen inicia agora nova volta de classificação. Alonso vem atrás.

13:56 Neste momento, o Toro Rosso de Kvyat fecha os 10 primeiros, a 2,407s da frente.

13:54 Sucessivos ataques à pole. Räikkönnen, Alonso e Ricciardo batem, à vez, o tempo de cada um. Mas são agora os Mercedes quem regressa à liderança. Rosberg está em primeiro! 1:15,989. O alemão é o primeiro a baixar do segundo 16.

13:52 Räikkönnen estabelece o melhor tempo! Mas é imediatamente ultrapassado por Vergne. O Toro Rosso faz 1:18,030 com um jogo de super macios já usados.

13:50 Com todos os carros em pista, quase todos os pilotos optam por pneus super macios.

SINAL VERDE NA Q3! ÚLTIMOS 12 MINUTOS.

13:45 A disputar as 10 posições da Q3 teremos os dois Mercedes, os dois Red Bull, os dois Ferrari, os dois Toro Rosso, o McLaren de Magnussen e o Force India de Perez.

13:43 Estão de fora Hulkenberg, Button, Bottas, Grosjean, Maldonado, e Massa. A Williams e a Lotus perdem os dois carros na Q2.

FIM DA Q2!

13:41 Vergne garante o 9º tempo e foge da eliminação! Hulkenberg deverá ficar de fora da Q3.

13:40 Hamilton bate Rosberg e faz o melhor tempo! 1:16,354. E Alonso sobe a 3º! O Ferrari passa os dois Red Bull.

13:39 De momento, a maior parte dos pilotos parecem preferir os pneus super macios, ao contrário do sucedido no início da Q1. É de notar que será com os pneus que garantirem a passagem à Q3 que os dez primeiros partirão no domingo.

13:37 A menos de 5 minutos do fim da Q2, Vergne, Grosjean, Perez, Bottas, Maldonado e Massa (que ainda não pôde vir para a pista, após sofrer um toque de Ericsson na Q1) são os pilotos ameaçados com a eliminação.

13:35 As equipas apresentam resultados sólidos. Mercedes em 1º e 2º, Red Bull em 3º e 4º, Ferrari em 5º e 6º. Há apenas cerca de 0,7s entre o 1º e o 7º.

13:34 Vettel queixa-se de não ter potência eléctrica no seu motor. Mas parece resolvido! O alemão faz o 4º tempo.

13:33 Luta na Ferrari. Räikkönnen ganha o 4º tempo a Alonso, mas rapidamente o espanhol faz novo 4º melhor tempo, a 0,643s da frente.

13:31 Ricciardo continua a ser o polícia da Mercedes. O Red Bull do australiano é 3º, a 0,551s de Rosberg. Alonso é 4º, com 0,806s.

13:29 Como na Q1, Hamilton e Rosberg começam lentamente, à procura de melhores temperatuas de funcionamento. Ricciardo é neste momento o primeiro... Mas os Mercedes, à segunda volta, tomam a dianteira! Rosberg é o primeiro: 1:16,682.

13:27 Rosberg inicia a sua volta de qualificação!

COMEÇA A Q2! 15 MINUTOS PARA ELIMINARMOS MAIS 6 PILOTOS.

13:25 Uma vez mais, os Mercedes posicionam-se em primeiro para largar do pit lane.

13:21 O Williams de Massa ficou parado na pista no final da Q1. Os mecânicos terão de inspeccionar o carro durante os 7 minutos que separam a Q1 e a Q2, mas o monolugar ainda não tinha chegado às boxes. Veremos se o brasileiro pode competir na segunda parte da sessão.

13:20 Mais surpreendentemente, a Sauber também ficou excluída logo na Q1.

13:19 Enquanto os carros entram nas boxes, Gutierrez, Sutil, Bianchi, Chilton, Kobayashi e Ericsson terminam o dia mais cedo. Ficam de fora na Q1. A Marussia e a Caterham, sem surpresas, tomam conta dos últimos lugares da grelha.

FINAL DA Q1!

13:17 Ericsson (Caterham) entra mal na curva Mirabeau e embate de frente no rail, porém sem grande velocidade. Por dentro, o Caterham força ainda o Williams de Massa à colisão.

13:16 Excelente Jean-Eric Vergne! O Toro Rosso bate os Mercedes e faz mesmo o melhor tempo da sessão: 1:17,557.

13:15 Luta pelo 5º lugar. Vergne expulsou Magnussen da posição e logo de imediato Räikkönnen conquistou a marca. Finalmente o finlandês da Ferrari se aproxima da frente, depois de rodar toda a Q1 abaixo das dez posições.

13:13 Susto para o McLaren de Magnussen! Vinha muito rápido na recta da meta o dinamarquês, que fez o 5º tempo, e falhou o tempo de travagem para a primeira curva, a famosa St. Devote. Consegue corrigir e evitar a colisão.

13:12 Entramos nos 5 minutos finais da Q1! Bianchi, Hulkenberg, Chilton, Kobayashi, Ericsson e Kvyat são os ameaçados nas últimas 6 posições.

13:10 Com a pista mais desimpedida, Vettel e Ricciardo, assim como Alonso, chegam-se agora mais à frente. Os Lotus estão também dentro dos primeiros 7. Notável recuperação da Lotus no E22, que desde o GP de Espanha se tem revelado inteiramente novo.

13:08 Os Ferraris parecem apenas preocupados em garantir lugar na Q2. Seja por opção ou pelo intenso tráfego verificado na pista, Alonso e Räikkönnen são apenas 12º e 13º, respectivamente.

13:07 Com apenas dez minutos na Q1, Rosberg é o mais rápido: 1:17,678. Hamilton é 2º, Grosjean é 3º, Maldonado 4º, e Massa 5º.

13:06 Daniil Kvyat perde o controlo à saída do túnel, faz um pião e destrói a asa dianteira ao raspar a frente do monolugar contra o rail de protecção. O russo segue para a box sem outros danos. Grande susto!

13:04 Nas suas segundas e terceiras voltas, os homens da Mercedes chegam à frente, ultrapassando os Toro Rosso e o Williams de Maldonado, que tinham sido os primeiros a chegar à frente.

13:03 Hamilton e Rosberg começam lentos, a procurar a melhor temperatura para os pneus e travões. A equipa falou com o alemão e informou-o da necessidade de aquecer mais os travões dianteiros, desequilibrados entre esquerda e direita.

13:01 Hamilton inicia agora a sua volta de qualificação!

SINAL VERDE! COMEÇA A Q1!

12:58 Os pilotos estão dentro dos seus monolugares! Rosberg é o primeiro a posicionar-se no final do pit lane. Hamilton segue-o. Como temos assistido, os Mercedes querem ser os primeiros em pista na Q1.

12:55 O asfalto de Monte Carlo está a 42ºC, temperatura que deverá permitir uma boa performance aos pneus desde cedo.

12:53 Fernando Alonso e Sebastian Vettel ultimam preparativos antes de entrarem nos seus monolugares.

12:45 No Mónaco, o dia apresenta-se ensolarado. 22ºC de temperatura ambiente e sem se esperar chuva durante a sessão da Qualificação.

12:30 A meia hora do arranque da Qualificação, as movimentações nas boxes são intensas. Na Mercedes, o monolugar de Hamilton sofre ajustes à asa dianteira.

11:30 A sessão de Qualificação tem início às 13h. Nós voltamos já daqui a pouco, e estaremos em Monte Carlo a acompanhar a sessão desde antes do seu início, para tentar apurar estratégias e últimas afinações.

11:25 Hamilton, Ricciardo e Rosberg foram três dos pilotos mais presentes em pista, pelo que também isso pode justificar os bons tempos alcançados. Restará saber se na Qualificação a maior habituação à pista lhes permitirá manter a vantagem ou se os restantes pilotos guardam alguma cartada na manga.

11:20 A Pirelli decidiu trazer para o Mónaco, o circuito mais lento do campeonato, os seus pneus macios (marcas amarelas) e os super macios (marcas vermelhas), por geralmente se comportarem melhor a baixas temperaturas e mais facilmente atingirem a temperatura ideal, providenciando melhor tracção nas curvas lentas do traçado. O comportamento dos pneus tem, porém, sofrido várias críticas dos pilotos nas sessões de treinos.

11:10 Nota muito positiva para Daniel Ricciardo, uma vez mais a provar ser o mais capaz de se colar aos homens da Mercedes e, hoje, mesmo de os separar. O recém-chegado à Red Bull tem batido consecutivamente o tetracampeão Vettel, seu colega de equipa.

11:00 Com Hamilton e Rosberg separados apenas por 3 pontos na tabela classificativa, espera-se que a luta pela pole position seja forte entre os colegas da Mercedes. O Mónaco dá poucas chances de ultrapassagem na corrida e Rosberg, que aqui venceu em 2013, está ansioso para bater o colega inglês, depois de não o ter conseguido nas últimas quatro corridas.

10:55 Daniel Ricciardo (Red Bull) e Nico Rosberg (Mercedes) rodaram muito próximos do inglês, apontado 1:16,808 e 1:16,874, respectivamente. Vettel foi o 4º mais rápido e os Ferraris ficaram logo atrás, com Alonso em 5º e Räikkönnen em 6º, mas os três pilotos rodaram já no segundo 17.

10:50 Lewis Hamilton continua a ser o piloto mais rápido em pista. O inglês da Mercedes, depois de dominar a primeira sessão de treinos livres e ser surpreendentemente batido por Alonso na segunda, voltou a ser o melhor sobre o acelerador e impôs o tempo mais rápido da terceira sessão. 1:16,758 foi o tempo de Hamilton.

10:45 Outro ponto original do Mónaco é o túnel que corre debaixo do Hotel Fairmont. Este representa um duplo desafio para os pilotos. Por um lado, a mudança radical nas condições de luz obriga à adaptação rápida dos olhos do piloto (na entrada e na saída), e a situação aerodinâmica criada pelo túnel retira entre 20% e 30% da força descendente aos monolugares, resultando numa diminuição da tracção à pista. O DRS está, por isso, proibido dentro do túnel, um dos pontos mais rápidos do circuito.

10:40 São várias as curvas famosas e pontos de destaque neste compacto circuito, onde não há margem para erros. A pista tem apenas 10m de largura. Um dos seus pontos mais célebres é o muito lento gancho do Grand Hotel, em plena descida para a Marina.

10:35 O traçado de Monte Carlo tem 3,340km de extensão, o que faz dele o mais curto do campeonato. Mesmo com as espantosas 78 voltas que devem cumprir os pilotos, a corrida pede apenas 260,520kms totais, sendo a excepção à regra que obriga cada GP a ter uma extensão de pelo menos 305kms. Com 19 curvas (12 à direita e 7 à esquerda), existe apenas uma zona de DRS, a da recta da meta.

10:30 Bom dia a todos! Hoje concentramos as atenções na mais desafiante e emocionante pista do calendário: o circuito urbano de Monte Carlo, no Principado do Mónaco. Às 13h (hora portuguesa) terá início a sessão de Qualificação que ordenará os pilotos na grelha de partida de domingo.

VAVEL Logo