Ancelotti: «Estou muito feliz por esta conquista»
Carlo Ancelotti levantou a décima para o Real Madrid (Foto: abola.pt)

Ainda mal Carlo Ancelotti tinha começado a falar e já alguns dos seus jogadores invadiam a sala de imprensa, celebrando a conquista da Liga dos Campeões. Passa da a euforia o técnico disse estar «felicíssimo» com o triunfo sobre o Atlético Madrid. «Estou muito feliz por esta conquista. Trabalhámos muito para conseguir este objectivo e é um orgulho poder partilhá-lo com todos os madridistas. A minha felicidade passar por dar alegria aos outros».

Na análise ao desafio Ancelotti reconheceu as dificuldades que os colchoneros colocaram ao Real Madrid. «Foi um jogo em que sofremos muito. O Atlético não nos deu espaços, defendeu bem, mas lutámos até ao fim com bastante energia para chegar ao golo. Felizmente chegámos ao empate e a partida mudou, porque o golo que marcámos deu-nos muita força para o prolongamento. Os cinco minutos não foram o essencial. Podemos dizer que tenho sorte, mas também podemos dizer que tentámos tudo até ao fim», referiu o treinador italiano.

Carlo Ancelotti afirmou depois a mensagem transmitida à equipa no final da primeira parte. «Ao intervalo disse aos jogadores para serem mais rápidos e optarem pelas faixas. Criámos problemas ao Atlético quando jogámos pelas alas», sublinhou. O técnico não se esqueceu de congratular o adversário. «Falei com Simeone e dei-lhe os parabéns pelo jogo e pela vitória da Liga e ele a mesma coisa. Há que respeitar a equipa que não ganha, mas luta por isso. O Atlético mereceu jogar esta final», sublinhou.

A finalizar o treinador do Real Madrid relembrou uma conversa, que teve com Florentino Pérez aquando da sua chegada ao clube. «No primeiro dia que fui à sala de troféus o presidente disse-me que faltava a décima Champions, e conseguimo-la este ano. Para a conquistar precisámos do esforço de todos. Como treinador senti sempre grande apoio e muita confiança. Por isso tivemos a tranquilidade necessária para ganhar os jogos», concluiu.

VAVEL Logo