Rosberg, Príncipe no Mónaco
Vitoria no Mónaco para o alemão (Foto: latintimes.com).

Rosberg, Príncipe no Mónaco

Sexta corrida e sexta vitória para a Mercedes. Rosberg liderou desde o início e conquista assim a vitória no Principado do Mónaco, registando-se ainda a quinta dobradinha consecutiva para os Flecha de Prata.

joao-pereira
João Pereira

Nico Rosberg venceu este domingo o Grande Prémio do Mónaco em Fórmula 1. O fim-de-semana foi mais uma vez de grande domínio para a Mercedes, visto que além de alcançar a pole position o alemão liderou a corrida desde o início, mesmo depois da entrada do safety car na primeira volta. O seu companheiro de equipa, Lewis Hamilton, nunca ameaçou verdadeiramente a sua posição. O pódio ficou completo com Lewis Hamilton no 2º lugar e Daniel Ricciardo, que consegue o seu segundo pódio consecutivo, com o 3º lugar.                                                                                                        

Corrida com emoção e incidentes

A luta pelo primeiro lugar não foi tão emotiva quanto se esperava devido à capacidade de Nico Rosberg segurar o seu companheiro de equipa, e mesmo referindo no final da corrida que «O Lewis conduziu muito, muito bem, mas eu consegui segurá-lo. (...) Grande carro, este!». O britânico, que enfrentou problemas de visão já perto do final devido a poeiras, chegou a ter em risco o segundo lugar, devido à pressão do Red Bull de Ricciardo.

A corrida foi marcada por muitos incidentes, incluindo a entrada do safety car por duas ocasiões, e muito abandonos, sendo a corrida de 2014 que, até ao momento, com menos pilotos acabou. O primeiro safety car entrou logo na primeira volta após um toque do McLaren de Button no Force India de Sergio Perez em Mirabeau, que levou ao abandono do mexicano. O segundo entrou já na volta 25, devido ao acidente de Adrian Sutil, que perdeu o controlo do Sauber à saída do túnel. Durante essa entrada do safety car, muitos pilotos optaram por efectuar a sua paragem nas boxes, após o que Lewis Hamilton viria a queixar-se à equipa: «Eu sabia que vocês não me iam deixar entrar [mais cedo]», confessou o piloto, que desejava ter parado nas boxes antes, nomeadamente antes de Rosberg.

fonte:gpudate.net
Safety car em pista no Mónaco (Foto: Sutton Images)

Marrussia pontua pela primeira vez

Um dos maiores destaque desta corrida vai sem dúvida para Jules Bianchi, que pontua pela primeira vez pela Marrussia, terminando no 8º lugar. Ainda que posteriormente relegado para 9º, devido a penalização de 5 segundos (por posicionamento incorrecto na grelha), o francês mantém-se dentro dos pontos, numa corrida heróica, já que Bianchi tinha inicialmente sofrido uma penalização por troca das caixa de velocidades, partindo da ultima posição da grelha.

Jules Bianchi em Montecarlo (Foto: Sutton Images)

 

O outro Marussia também teve protagonismo na corrida, mas pelas piores razões: Max Chilton envolveu-se num toque com Räikkönen, nas dobragens, quando o finlandês se encontrava no 3º posto após uma grande largada.

Fora do pódio mas dentro das posições pontuáveis ficaram, por esta ordem: Fernando Alonso, Nico Hulkenberg, Jenson Button, Felipe Massa, Romain Grosjean e Kevin Magnunssen, o que faz com que a Mclaren volte aos pontos.

A corrida ficou marcada por muitos abandonos, como anteriormente referido: Sergio Perez após toque, Pastor Maldonado que nem chegou a arrancar do pitlane, Vettel que primeiro perdeu potencia no seu Red Bull e depois ficando sem caixa de velocidades, Bottas com problemas no Williams, que o levou a não pontuar pela primeira vez esta época, ambos os Toro Rosso por problemas mecânicos e os dois Sauber por acidente.

Classificação no Mundial de Pilotos (top 10)

1

Rosberg

Mercedes

122  pontos

2

Hamilton

Mercedes

118

3

Alonso

Ferrari

61

4

Ricciardo

Red Bull

54

5

Hulkenberg

Force India

47

6

Vettel

Red Bull

45

7

Bottas

Williams

34

8

Button

McLaren

31

9

Magnussen

McLaren

21

10

Perez

Force India

20

A próxima corrida será o Grande Prémio do Canadá, daqui a duas semanas, no fim-de-semana de 8 de Junho.

VAVEL Logo