Haas adia a entrada na F1 para 2016

A equipa de Gene Haas, que tinha anunciado a entrada na F1 para 2015, resolveu dar um passo atrás e adiar a sua entrada no "Grande Circo" para 2016. O anúncio foi feito ao início da noite.

Depois de no mês de Abril ter recebido a licença da FIA para entrar na competição, a Haas Formula anunciou um projecto ambicioso, cujo plano seria a entrada na F1 em 2015. Mas com o tempo a passar depressa e os apoios necessários para arrancar com o projecto a demorar mais a angariar do que o previsto, a Haas Formula anunciou hoje que vai aproveitar este adiamento para planear com mais tempo o projecto.

Prazos incomportáveis para um sólido arranque em 2015

A vontade de Gene Haas seria de contar com o apoio da Ferrari para o desenvolvimento técnico da equipa, mas com mais um ano de preparação, a equipa poderá usar o conhecimento técnico de outros parceiros e começar então com uma base mais sólida em 2016. Com apenas sete meses para o início da nova época seria muito difícil conseguir arranjar o pessoal, os apoios e os parceiros técnicos necessários para desenvolver uma equipa F1 digna desse nome. Assim, o norte-americano retira um pouco da pressão ao projecto e pode avaliar melhor as suas opções.

«Temos uma lista de nomes que queremos contratar, mas a maioria deles tem contratos durante os próximos 3 ou 6 meses, por isso há muitos problemas a nível contratual a serem resolvidos antes das pessoas poderem ingressar no nosso projecto.», esclareceu Haas.

Haas tem, de momento, a sua equipa a competir no Nascar, sob o nome Stewart-Haas Racing, com o co-proprietário da equipa a ser Tony Stewart, na Sprint Cup Series. São seus pilotos Kevin Harvick, Tony Stewart, Danica Patrick e Kurt Busch.

VAVEL Logo