Nürburgring e Hockenheimring lutam pelo GP da Alemanha
Vista aérea de Nürburgring (Foto: Walter Koch).

O jornal alemão Rhein Zeitung afirma que Nürburgring acordou com Bernie Ecclestone um contrato de cinco anos, para receber anualmente um GP de F1 até 2019.

O regresso de Nürburgring anualmente

Depois de enfrentar a insolvência, o traçado de Nürburgring parece poder regressar à vida, com novo proprietário, o grupo de engenharia automóvel Capricorn, com sede em Düsseldorf, que deverá ter segurado uma prova anual até 2019, com a possibilidade de estender por mais tempo esta parceria estratégia com a Formula One Management.

Ou a manutenção de Hockenheim

A notícia deixa, porém, uma dúvida no ar, já que o circuito alemão de Hockenheim tem contrato com a F1 até 2018, e não é provável que o calendário aceite duas provas alemãs numa mesma temporada, como aconteceu entre 1995 e 2006, até à decisão de Bernie Ecclestone: desde 2007, os dois circuitos alemães,  têm alternado, anualmente, na recepção do GP da Alemanha em F1. 

VAVEL Logo