Mexer e Djaniny de saída do Nacional
O central e o avançado estão de partida do Nacional (Foto: Nacional da Madeira)

Mexer e Djaniny de saída do Nacional

O central moçambicano Mexer, e o avançado cabo-verdiano Djaniny, já não são jogadores do Nacional da Madeira. O defesa já foi apresentado como reforço do Rennes, de França, enquanto que o ponta-de-lança é a mais recente aquisição do Santos Laguna, do México.

Francisco_Ferreira
Francisco Ferreira Gomes

Num curto espaço de tempo, o plantel do Nacional da Madeira perde dois dos seus elementos mais influentes na época passada. Mexer e Djaniny estão de malas aviadas, para França e México respectivamente.

A 19 de Junho, o moçambicano Mexer foi anunciado como reforço do Rennes. O clube da Ligue 1 desembolsa 2,3 milhões de euros, ficando o clube madeirense com direito a 20% de uma mais valia, caso o clube decida vender o central moçambicano.

O entendimento entre os dois clubes foi finalmente alcançado, isto depois do central ter sido negociado no mercado de Inverno, um processo que na altura falhou devido à falta de acordo entre jogador e clube gaulês.Perante esta transferência, o treinador do Rennes, Philippe Montanier, mostrou-se muito satisfeito.

«Mexer é um jogador que acompanhámos de perto durante toda a época e que até tentámos contratar em janeiro. Fez uma excelente época e precisamos de reforçar a defesa. É um jogador forte fisicamente, ágil com a bola e boa leitura de jogo. O seu jogo de cabeça também é interessante. É um defesa central completo».

Quanto a Djaniny, a sua transferência para o Santos Laguna foi anunciada na passada terça-feira, isto depois do presidente do clube mexicano o ter confirmado através da rede social Twitter.«Muito contente com a contratação de Djaniny. Falei com ele agora e o seu compromisso com o Club Santos é total para se juntar ao nosso grupo de guerreiros» Djaniny volta assim a encontrar Pedro Caixinha, actual treinador dos mexicanos. Os dois já tinham trabalhado juntos pelo União de Leiria.

VAVEL Logo
CHAT