Duelo sul-americano coloca frente a frente duas das maiores promessas do futebol

Duelo sul-americano coloca frente a frente duas das maiores promessas do futebol

Brasil e Colômbia vão medir forças para tentarem conquistar um lugar na meia final do campeonato do mundo 2014. Os anfitriões da competição têm pela frente a irreverente Colômbia de James Rodriguez

ricardo-cruz
Ricardo Cruz

O histórico aponta claramente para um favoritismo da seleção canarinha. Em 25 jogos, o Brasil venceu por 15 vezes, empatou 8 e só em duas ocasiões é que saiu derrotado frente ao rival sul-americano.  

Felipão vai mexer 

A seleção Brasileira apesar das vitórias ainda não conseguiu brilhar. Frente à seleção Colombiana terá de se empenhar pois o mínimo erro poderá ser determinante para afastar a favorita canarinha da prova tão desejada. Luiz Felipe Scolari já mexeu no meio campo, com a integração de Fernandinho no lugar de Paulinho. O médio que alinha pelos The Citizens respondeu com uma boa exibição. Para o jogo com a Colômbia é provável que Felipão dê mais obrigações a Hulk e Oscar.

Ambos têm permanecido muito tempo encostados à linha e desta forma obrigam o avançado criativo Neymar a participar nas transições "meio campo - ataque" sozinho. O treinador brasileiro pretende que Oscar e Hulk façam mais diagonais. Com este movimento os laterais Daniel Alves e Marcelo vão participar mais no ataque brasileiro e por consequência o Brasil vai-se tornar numa equipa mais ofensiva. A integração de Fred no onze titular por parte de Scolari também é uma incógnita devido às sucessivas más exibições do ponta de lança.

Scolari tem total confiança nos seus jogadores (Foto:www.fifa.com)

James, artilheiro do Mundial, será o trunfo da seleção Colombiana

José Pékerman já experimentou dois sistemas táticos diferentes neste mundial. O 4-2-3-1 utilizado pelo selecionador Colombiano na primeira fase do campeonato do mundo converteu-se em 4-4-2 para eliminar a selecção Uruguaia. O Brasil terá de estar atento às mudanças posicionais da selecção Colombiana. Relativamente ao centro da defesa da Colômbia já se sabe que os dois centrais Zapata e Yepes não possuem grande mobilidade e mesmo quando a Colômbia ataca fazem questão de não subir muito no terreno. Porém, os laterais colombianos sobem muito no terreno e participam quase sempre nas investidas ofensivas da equipa. As subidas são compensadas pelos médios mais recuados Aguilar e Sanchez.

Uma selecção equilibrada que provoca o desequilibrio nas outras equipas muito por culpa de James e Cuadrado. Ambos trocam várias vezes de lado para tentarem confundir as defesas adversárias. Até ao momento James é o melhor marcador do mundial e as atenções vão estar claramente concentradas no ex-jogador do F.C.Porto.

Lance do quarto golo da Colômbia frente ao Japão (Foto:www.fifa.com)

Neymar não teme James 

Neymar promete dar luta e espera vencer o encontro (Fonte:www.fifa.com)

O jogador que alinha no Barcelona é a maior esperança dos adeptos brasileiros. Depois de sofrer várias entradas agressivas no último jogo por parte dos jogadores chilenos, Neymar esteve sobre observação e teve direito a particular atenção do departamento médico brasileiro.

Em declarações dadas na conferência de imprensa Neymar tranquiliza os adeptos e diz que está apto para jogar contra a Colômbia e ajudar a sua equipa. Teceu vários elogios à seleção colombiana e apesar de considerar James Rodriguez um grande jogador espera vencer o duelo: «A Colômbia é uma grande equipa, venceu todos os jogos que realizou e mostrou que é um forte candidato. James Rodríguez é um craque apesar da idade. Tem 22 anos, como eu, e tem mostrado ser um grande jogador. Mas espero que o ciclo dele chegue ao fim e que o do Brasil continue. Com todo o respeito, claro».

A dúvida sobre qual dos jogadores irá sorrir no final do encontro fica no ar, sendo que a selecção brasileira, seleção anfitriã do Mundial, é considerada a grande favorita para este encontro. 

VAVEL Logo
CHAT