Bebé é a nova esperança de ataque, Romero a certeza defensiva
Bebé estreou-se no 0-1 diante do Ajax, na Eusébio Cup (Foto: Daniel Rocha)

Bebé é a nova esperança de ataque, Romero a certeza defensiva

Benfica assegurou a contratação do extremo do Manchester United e a do guardião da selecção argentina está próxima. Bebé e Romero reforçam depauperado plantel encarnado mas as derrotas de pré-época insistem em baixar o ânimos dos adeptos.

vavel
VAVEL

Duas contratações sonantes parecem querer colocar um sorriso na face dos adeptos encarnados, que tantas desilusões têm sentido com as saídas de jogadores importantes que edificaram o Benfica campeão, versão 2013/2014. Bebé, resgatado ao Manchester United e Sergio Romero, à Sampdoria, são as apostas do Benfica para a nova temporada, juntamente com Eliseu, desejo antigo de Jorge Jesus.

Apesar destas vindas (Romero carece de total confirmação), as imensas saídas e os resultados da pré-época têm-se fundido para fazer desvanecer o sorriso da face dos associados encarnados. O Benfica vem de três derrotas consecutivas, a última delas diante do Ajax, ontem na Luz, na disputa da «Eusébio Cup», por 0-1, golo da promessa Ricardo Kishna. Num jogo dividido, o desacerto atacante impediu o Benfica de marcar golos - Jara falhou até uma grande penalidade.

Frustados pelo desinvestimento no plantel, os adeptos da Luz poderão ver nas novas contratações um impulso que acrescentará qualidade ao grupo; ainda assim, olhando para o horizonte, sabem que Jesus precisará de tempo para reorganizar e remodelar o conjunto encarnado, rumo a um onze competitivo e no caminho da pretendida hegemonia nacional.

Bebé reforça ataque com versatilidade

O Benfica perdeu Markovic e Rodrigo, contando com um Cardozo cada vez mais secundário e na iminência de perder Gaitán para o Mónaco. Nesta situação, a contratação de Bebé assenta como uma luva nas necessidades de Jesus: o extremo pode alinhar nas alas e também dar poderio ao centro do ataque, como demonstrou ao serviço do Paços, onde se revelou goleador. O melhor marcador português da Liga Zon Sagres 2013/2014 estreou-se na «Eusébio Cup» e terá como objectivo a titularidade: jogar ao lado de Lima é uma forte possibilidade.

Eliseu para dar «turbo» à ala esquerda

Competente a defender, Eliseu é ainda melhor no apoio ao ataque - exactamente como gosta Jorge Jesus, que prefere os seus defesas laterais com apetência para as movimentações ofensivas. O lateral do Málaga assinou pelo Benfica e cumpriu-se assim um desejo antigo de Jesus, que o estreou contra o Ajax, assim como Bebé. Concorrência garantida para Loris Benito, que tem demonstrado força, resistência mas latentes desacertos defensivos.

Romero será o guardião intocável do novo Benfica

Último bastião defensivo da Argentina no Mundial 2014, Sergio Romero está prestes a tomar o lugar deixado vago por Oblak: o guarda-redes da Sampdoria discute pormenores contratuais e deverá assinar com o Benfica no decorrer desta semana, saindo de Itália por um milhão de euros. O jogador de 27 anos esteve emprestado o Mónaco na temporada passada, longe da titularidade que agora poderá agarrar sem problemas.

VAVEL Logo
CHAT