Caminho sueco rumo à Europa: Rio Ave sonha fazer História
Caminho sueco rumo à Europa: Rio Ave sonha fazer História (Foto: Lusa)

Caminho sueco rumo à Europa: Rio Ave sonha fazer História

A caminhada internacional do Rio Ave começou de vento em popa: a formação vilacondense eliminou o IFK Gotemburgo e terá agora pela frente novo concorrente sueco, o Elfsborg, rumo à entrada na Liga Europa. Caso lá chegue, o Rio Ave fará História, marcando pela primeira  vez presença nas competições europeias.

vavel
VAVEL

Depois da vitória em território sueco, na primeira mão da eliminatória europeia de acesso à Liga Europa, o Rio Ave confirmou (na passada quarta-feira) a passagem ao «play-off» final devido a um empate a zero bolas em casa, diante dos suecos do IFK Gotemburgo. A passagem, já de si histórica, empurra a formação vilacondense para a frente, ficando a faltar apenas a derradeira eliminatória antes da entrada na tão desejada Liga Europa, palco onde a equipa nunca marcou presença - o ano de estreia nas competições europeias poderá mesmo ver o Rio Ave fazer História: faltam 180 minutos de esforço e brio vilacondense.

Estável defensivamente e com muita esperança no consciente colectivo, o novo Rio Ave de Pedro Martins conseguiu, frente ao Gotemburgo, fazer frente ao pragmatismo nórdico e ultrapassar a primeira barreira no caminho para a Liga Europa, resta agora eliminar o Elfsborg, novo obstáculo sueco, o derradeiro, que separa a formação de Vila do Conde da entrada na Liga Europa. Maturidade parece ser a receita ideal para prolongar o sucesso: «O que esta equipa fez hoje e no jogo da primeira mão demonstra grande maturidade. Vamos continuar a lutar pelo objetivo de entrar na fase de grupos, que será muito importante para estes jogadores e também para o clube em termos financeiros», declarou Martins no reslcado do embate.

Mas a euforia, patente da apoteótica recepção feita pelos adeptos ao plantel vilacondense na chegada ao aeroporto (depois da primeira mão), não poderá toldar o discernimento do Rio Ave, que tem de respeitar o seu próximo adversário: «O Elfsborg é uma equipa com experiência europeia, já esteve na Champions e, neste momento, está em 4.º (no campeonato sueco). Temos de respeitar e ter muito conhecimento sobre este adversário. Vamos acreditar no nosso valor. É a segunda equipa da Suécia e, se tivermos a mesma sorte de eliminar este adversário, vamos chegar ao principal objetivo que é a fase de grupos», afirmou o presidente do clube, António Silva Campos.

 

VAVEL Logo
CHAT