Benfica vence por 3-2 nas G.P.
Benfica x Rio Ave, Supertaça

Benfica x Rio Ave, Supertaça

RodolfoReis
Rodolfo Reis
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

Esperemos que tenham gostado desta primeira transmissão da nova época. Continuem acompanhar toda a actualidade desportiva diaramente em VAVEL.COM.PT. Até uma próxima oportunidade.

LUISÃO LEVANTA A SUPERTAÇA CÂNDIDO OLIVEIRA!

E agora vão subindo os jogadores do Benfica que recebem as medalhas e depois Fernando Gomes presidente da Federação Portuguesa de Futebol irá entregar o troféu ao capitão Luisão.

Sobe agora ao palanque a equipa do Rio Ave para receberem as medalhas referentes a esta Supertaça Cândido Oliveira.

Enzo Perez recebeu o prémio de melhor jogador desta final. Neste momento os àrbitros recebem também as medalhas de presença.

O Benfica foi melhor durante os 90' minutos e dispôs de várias ocasiões para marcar, mas a pontaria desafinada ou Cássio foram impedindo o golo encarnado. O Rio Ave foi acreditando e com as forças que já eram poucas conseguiram levar o jogo para as grandes penalidades.

Artur foi o herói improvável e defendeu três grandes penalidades. Depois de muito criticado e quase ter comprometido num lance ainda na primeira parte, acaba por dar a Supertaça Cândido Oliveira, que fugia aos encarnados à dez anos.

FALHA TIAGO PINTO E O BENFICA VENCE 3-2 A SUPERTAÇA CÂNDIDO OLIVEIRA!

Tiago Pinto para bater, se falhar o Benfica vence.

Marca Luisão 3-2.

Luisão para bater.

Falha Diego Lopes.

Diego Lopes para marcar.

Marca Bébé 2-2.

Bébé para bater.

Golo do Rio Ave, marca Ukra 1-2.

Ukra para o Rio Ave é o eleito.

Golo do Benfica, Lima não falha 1-1.

Agora é Lima para bater.

Marca Filipe Augusto 1-0 para o Rio Ave.

Filipe Augusto é o próximo.

Falha Derley, Cássio a voar para a bola.

Derley para bater.

Falha Tarantini, defende Artur.

O primeiro a marcar é o Rio Ave Tarantini para bater.

Agora a frieza dos jogadores e a habilidade dos guarda-redes vão decidir o vencedor na marcação das grandes penalidades.

Segunda parte do prolongamento com o Rio Ave a ter uma grande ocasião para marcar, com o mau alívio de Jardel acertar na barra.

120' FINAL DA PARTIDA VAMOS TER GRANDES PENALIDADES!

118' Que ocasião para o Rio Ave!!! Artur soca mal a bola, esta sobra para Jardel que atira contra a barra e por sorte não faz auto-golo.

113' Remate fraco de Boateng para as mãos de Artur.

111' Quem remata é o brasileiro com Cássio a dois tempos a agarrar a bola.

110' Livre frontal perigoso para a baliza de Cássio ao jeito de Bébé ou Lima.

109' Cartão amarelo para Cássio por demora na marcação da falta.

108' Cruzamento de Ola John e Lima ao primeiro a desviar por cima da baliza.

Durante a troca de campo, o Benfica fez a última substituição, saiu Sálvio e entrou Bébé.

RECOMEÇA O PROLONGAMENTO SAIU O RIO AVE!

Primeiros quinze minutos com uma grande oportunidade de golo para o Benfica com Jardel a ver Cássio negar-lhe o golo.

FINAL DA PRIMEIRA PARTE DO PROLONGAMENTO 0-0!

105' Ukra a bater o canto na direcção da baliza, obrigando Artur a dar uma palmada para fora.

102' Cabeceamento de Lima para as mãos de Cássio.

99' Substituição no Benfica sai Gaitan e entra Ola John.

91' Grande ocasião para o Benfica!!! Livre de Gaitan e Jardel de cabeça a obrigar Cássio a uma enorme defesa com os pés, evitando Wakaso a recarga do central brasileiro, cortando para canto.

INÍCIO DO PROLONGAMENTO SAIU O BENFICA!

A equipa de Pedro Martins aposta na velocidade de Boateng e Del Valle para explorar o contra-ataque, enquanto Derley veio dar mais apoio ofensivo a Lima no lado encarnado.

Para este prolongamento o desgaste físico que já se faz sentir na equipa vilacondense, devido ao jogo europeu na quinta-feira, deverá notar-se ainda mais e disso poderá tirar partido o Benfica, que de resto ainda tem duas substituições para fazer, enquanto o Rio Ave já esgotou as alterações.

Segunda parte com menos situações de perigo criadas pelo Benfica e com o Rio Ave embora remetido ao seu reduto defensivo a sair mais vezes para o ataque, sem no entanto levar perigo para Artur.

FINAL DA PARTIDA! VAMOS TER PROLONGAMENTO!

Três minutos de compensação!

90' Cartão amarelo para Diego Lopes por falta sobre Maxi Pereira.

88' Última alteração no Rio Ave sai Nuno Lopes e entra Wakaso.

85' Quase marca o Benfica!!! Lima recebe a bola na área, roda sobre si próprio e atira cruzado com o esférico a passar muito perto do poste esquerdo.

83' Jardel de cabeça ao segundo poste assiste de Luisão que também de cabeça atira ao lado.

80' Cartão amarelo para Filipe Augusto por agarrar Sálvio.

79' Bom remate de Sálvio, mas o esférico passa ainda longe da baliza do Rio Ave.

73' Ruben Amorim a rematar de longe para defesa segura de Cássio.

69' Substituição no Benfica saiu Talisca e entrou Derley.

65' O Benfica continua a dominar o encontro nestes primeiros vinte minutos da etapa complementar, no entanto sem criar o mesmo perigo que na primeira parte. Destacar os 23 remates dos encarnados contra dois do Rio Ave, mas desses 23 só quatro foram na direcção da baliza vilacondense.

64' Lance individual de Lima que de fora da área atira forte, mas ao lado.

62' Sálvio em boa posição dentro da área remata muito torto, com a bola a sair pela linha lateral.

54' Dupla alteração no Rio Ave vão sair Hassan e Pedro Moreira e entram Boateng e Diego Lopes.

52' Cartão amarelo a Tiago Pinto por falta sobre Talisca.

COMEÇA A SEGUNDA PARTE, SAIU O RIO AVE!

Para a segunda parte é de esperar que o «assalto» à baliza de Cássio continue, com o Rio Ave a tentar explorar o contra-ataque para criar perigo.

Talisca, Gaitan e Sálvio têm sido os mais inconformados e já por diversas vezes visaram a baliza vilacondense, mas sem sucesso. A equipa de Pedro Martins teve a sua grande oportunidade para chegar ao golo em cima do intervalo, graças ao guardião que abusou da sorte ao querer driblar dentro da área dois jogadores vilacondenses, conseguindo depois evitar que a bola fosse para o fundo das redes.

Primeira parte totalmente dominada pelo Benfica com várias ocasiões para marcar, com Cássio e a pontaria desafinada dos jogadores encarnados a prolongarem o nulo. O Rio Ave muito permissivo a não conseguir ter a bola, e quando a teve rapidamente a perdeu devido à forte pressão das águias.

INTERVALO EM AVEIRO, BENFICA E RIO AVE CONTINUAM EMPATADOS A ZERO!

45+2' Na resposta Talisca atira forte, Cássio defende para a frente e na recarga Gaitan não consegue marcar.

45+1' Primeira e grande ocasião para o Rio Ave marcar!!! Artur quis driblar dois jogadores vilacondenses dentro da área, ficou sem o esférico, mas depois a bola acaba por ser tirada pelo mesmo evitando o golo.

44' Cartão amarelo para Enzo Perez por rasteirar Del Valle.

35' A dez minutos do intervalo o ritmo de jogo acalmou, sem que com isso o Benfica tenha perdido o controlo do mesmo, perante um Rio Ave que vai sustendo como pode as investidas encarnadas.

24' Quase marca o Benfica de novo!!! Sálvio com dois remates seguidos, o primeiro tirado em cima da linha de golo por Marcelo e na recarga o argentino vê o seu pontapé ser travado por Cássio.

21' Remate em arco de Lima a fazer o esférico sair por cima da barra.

14' Eliseu atira de longe com a bola a passar ao lado do poste esquerdo de Cássio.

12' O remate do jogador brasileiro sai um pouco acima da baliza vilacondense.

11' Livre muito perigoso a favorecer o Benfica junto a linha da meia lua, com Talisca a preparar-se para bater.

10' Muito perto o Benfica de marcar!!! Maxi Pereira do lado direito já perto da pequena área a rematar cruzado, com Talisca a esticar a perna ao segundo poste, mas não a chegar para o desvio, que daria o golo encarnado.

2' Livre a favorecer o Benfica, Luisão desvia de cabeça a bola toca no braço de um defesa do Rio Ave caíndo junto a Lima, mas Com Cássio a ser mais rápido a sair a punhos, evitando o golo.

INÍCIO DA PARTIDA, SAIU O BENFICA!

20.42 O trio de arbitragem e as equipas de Benfica e Rio Ave entram neste momento no palco do jogo.

20.38 Os dois conjuntos já recolheram aos balneários e neste momento no relvado acontece a coreografia de abertura deste encontro da Supertaça Cândido Oliveira.

20.11 As duas equipas já fazem os habituais exercícios de aquecimento no relvado do Estádio Municipal de Aveiro, com as bancadas cada vez mais preenchidas.

20.05 O Benfica faz alinhar Artur na baliza, defesa com Maxi Pereira, Jardel, Luisão e Eliseu, o meio-campo formado por Ruben Amorim, Enzo Perez, Nico Gaitan e Sálvio, no ataque Talisca e Lima.

19.52 O Rio Ave joga de início com Cássio na baliza, defesa formada por Nuno Lopes, Marcelo, Prince e Tiago Pinto, no meio-campo Tarantini, Pedro Moreira e Filipe Augusto, ataque com Ukra, Del Valle e Hassan.

18:45. Pedro Martins desvalorizou a má pré-época benfiquistas e ressalvou o potencial dos campeões nacionais: «As pré-épocas valem o que valem. Não dou valor às pré-temporadas, mas sei que vai ser um Benfica diferente da época anterior», afirmou o ex-treinador do Marítimo na conferência de antevisão da partida.

18:40. «A equipa está preparada. Fizemos as experiências que tínhamos a fazer para tomarmos as decisões. Foi um pré-época muito boa para eu poder tomar decisões», afiançou Jesus na antevisão da final, reassegurando a confiança em Artur e na continuidade de Enzo no clube da águia.

18:25. O Rio Ave vem de dois resultados positivos, ambos no contexto europeu: uma vitória por 0-1 (golo de Hassan) na Suécia e um empate 0-0 em casa garantiram a passagem ao derradeiro «play-off» da Liga Europa. A formação está motivada e o seu ritmo competitivo parece já adequado às exigências do arranque da liga. Hassan deverá ser o avançado de referência no esquema de Pedro Martins, já Tarantini e Pedro Moreira deverão ser os pilares do meio-campo.

18:15. Enzo e Luisão são as adições de última hora à armada encarnada, que ainda se encontra desfalcada. Os dois jogadores não realizaram qualquer minuto na pré-época mas a sua valia é considerada crucial para Jorge Jesus, que já garantiu que ambos irão alinhar de início. O central brasileiro esteve lesionado e só agora recuperou; o médio argentino regressou do Mundial e não teve a oportunidade de integrar qualquer jogo de preparação.

18:05. O Benfica chega ao seu primeiro jogo oficial com muitas indefinições, incertezas e uma descrença generalizada no seio da massa adepta encarnada. A pré-temporada, fraca e confusa em termos de gestão e de resultados, lançou o Benfica para um período de baixa psicológica que contrasta com a alegria vilacondense, criada pela eliminação dos suecos do IFK Gotemburgo no caminho para a Liga Europa. 

17:45. Dos jogadores que participaram no último embate entre as duas formações (Taça de Portugal), o Benfica perdeu seis elementos: Oblak, Garay, Rodrigo (estes três foram titulares), André Gomes, Markovic e Cardozo (estes últimos suplentes utilizados). Também no Rio existiram saídas cruciais: Braga, Edimar, Rúben Ribeiro e Pedro Santos (titulares) abandonaram o clube. O Rio Ave conta ainda com uma alteração de fundo - a saída do técnico Nuno Espírito Santo e a entrada de Pedro Martins.

17:35. Portanto, a última vez que o Benfica ergueu o troféu foi em 2005, quando, por intermédio de um golo de Nuno Gomes, as «águias» bateram o Vitória de Setúbal, com Ronald Koeman no comando dos destinos técnicos do clube. O antigo jogador encarnado é, assim, o último benfiquista a marcar um golo na competição, algo que não acontece há nove anos. 

17:25. Desde que a competição existe, 1979, o Benfica apenas conquistou a Supertaça por 4 ocasiões: 1980, 1985, 1989 e 2005, tendo perdido onze finais. A última delas já com Jorge Jesus no comando: na temporada 2010/2011, o FC Porto bateu o Benfica por 2-0, com golos de Rolando e Falcão, no arranque da brilhante temporada portista, com Villas-Boas ao leme.

17:15. O Benfica bateu o Rio Ave na final da Taça da Liga, com dois golos sem resposta: a 7 de Maio, Rodrigo e Luisão marcaram os golos da vitória, enquanto que a 18 de Maio, foi Gaitán a assinar o golo que deu a vitória na Taça de Portugal. Ao Rio Ave resta-lhe esta terceira chance para tentar conquistar um troféu e fazer História; o Benfica tentará ganhar a quinta Supertaça da sua vida, troféu no qual os encarnados nunca foram especialistas.

17:00. Este será o terceiro jogo, terceira final, disputada entre ambas equipas, num espaço de tempo de apenas quatro meses: Benfica e Rio Ave defrontaram-se na final da Taça da Liga e na final da Taça de Portugal, na época passada, com as duas vitórias a sorrirem aos encarnados, que assim conquistaram um triplete, juntamente com o campeonato nacional. 

16:35. Sejam bem-vindos à abertura da época 2014/2015 em Portugal, com o jogo Benfica x Rio Ave, referente à Supertaça Cândido Oliveira, que será disputada no Estádio de Aveiro, às 20:45 horas. Acompanhe aqui, connosco, todos os lances e momentos chave da partida entre o campeão nacional 2013/2014 e o finalista vencido da Taça de Portugal, em VAVEL.com.

VAVEL Logo