Sporting x Porto: focos de interesse

Sporting x Porto: focos de interesse

O Sporting recebe o Porto, hoje, às 20:30 horas, e na antevisão do Clássico, Vavel Portugal faz-lhe a lista dos focos de interesse da partida, quer em termos técnicos quer em termos tácticos, antecipando cenários e dando prognósticos baseados nas formas de actuar das equipas.

vavel
VAVEL

Alvalade será o palco da batalha entre Sporting e Porto nesta sexta jornada da Liga. Apesar da competição ainda ir no adro, os dois clubes darão tudo para ganhar os três pontos e afirmarem-se em dois panoramas: motivacional e pontual. O líder Benfica esperará tropeções dos seus rivais para aumentar a vantagem, portanto, perder pontos esta noite significará ficar mais longe do topo da tabela. 

No plano motivacional, a situação de ambos os rivais é também esclarecedora: o Sporting, que tem mais empates que vitórias, quererá dar seguimento ao bom jogo realizado na jornada passada frente ao Gil Vicente (0-4), afastando assim as críticas sobre o seu futebol desligado e ineficaz. Já o FC Porto, vindo de dois empates para o campeonato, quererá, urgentemente, angariar três pontos e afirmar a sua superioridade face a uma equipa que gastou um terço daquilo que os Dragões dispenderam no defeso, em contratações sonantes.

Regressos e rotatividades

Jefferson, que cumpriu castigo em Barcelos, estará de volta aos titulares (Jonathan Silva deu boa conta de si na partida de estreia mas deverá voltar à equipa B), e João Mário deverá entrar para a posição de André Martins. No Porto, as muitas alterações prender-se-ão com o regresso de Fabiano à baliza, com a titularidade do espanhol Marcano, que jogará no lugar do castigado Maicon, com o regresso de Alex Sandro à lateral esquerda (Ángel será suplente), com a titularidade de Casemiro (em vez de Evandro) e com a inclusão do recuperado Óliver Torres - Quaresma e Tello ficarão no banco.

Estreantes do Clássico

No lado da facção da casa, os estreantes do Clássico serão Naby Sarr e João Mario (Jonathan Silva, porventura), mas, no lado azul e branco, as estreias serão muitas: Marcano, Martins Indi, Casemiro, Rúben Neves, Brahimi e Óliver Torres. O Porto, que se transformou durante o defeso devido às muitas contratações, chegará a Alvalade com um onze de qualidade superior mas ainda carente de rotinas ofensivas oleadas - depois da goleada ao BATE, os Dragões ficaram em branco contra o modesto Boavista, mostrando a sua instabilidade colectiva. O Sporting, que em Barcelos goleou pela primeira vez, tentaá também contrariar as críticas que retratam a equipa como perdulária.

No último clássico, que foi jogado em Alvalade, o Sporting logrou bater o Porto, com um golo do argelino Islam Slimani, que correspondeu de modo exemplar a um cruzamento longo. A movimentação do internacional argelino ludibriou Abdoulaye. 

Focos de interesse 

Defesa periclitante do Sporting x Ataque portista pleno de individualidades perigosas: Será interessante analisar como se sairá a débil defesa leonina quando confrontada com a velocidade e técnica do ataque portista. Brahimi, Óliver Torres e Jackson Martínez serão ameaças capazes de abanar a (reduzida) confiança da dupla de centrais Maurício/Sarr. Pelo meio (e pela parca qualidade técnica) poderá ruir o castelo de cartas defensivo do Sporting, que poderá ter até de se haver com Tello, Quaresma e Adrián, todos eles opções vindas do banco.

Defesa debutante do Porto x Nova dinâmica leonina com João Mário e Nani: Será interessante analisar como irá a defesa portista, hoje composta por Martins Indi e Marcano, estrear-se frente a um ataque sportinguista que quer explodir. Marcano tem pouquíssimas rotinas e irá pela primeira vez actuar ao lado do central holandês, logo contra um Nani em ascensão de forma e uma nova variável que poderá baralhar o jogo defensivo azul: a inclusão de João Mário no miolo.

William Carvalho em baixo rendimento x Diagonais do virtuoso Brahimi: Será interessante analisar de que forma o meio-campo leonino irá asfixiar as tentativas portistas de rasgar tacticamente pelo meio do terreno, algo que é recorrente na tipologia de jogo do novo FC Porto. William Carvalho, em baixo de forma, terá pela frente o veloz Brahimi, que adora flectir para dentro e tornar-se mortal na zona frontal à baliza, quer mediante combinações quer mediante jogadas individuais.

Goleador Jackson x «Contender» Slimani: Será interessante analisar o duelo de avançados - Jackson Martínez, goleador máximo da Liga, de créditos firmados, tentará matar o Leão no seu próprio covil, aumentando a contagem de golos, que actualmente vai em 5. O argelino Slimani, que leva 2 tentos na Liga, tentará roubar as luzes da ribalta para si, ainda para mais jogando em casa. De recordar que o internacional resolveu o Clássico da temporada passada, em Alvalade.

Fraco jogo interior do Sporting x Excessivo jogo interior do Porto: Será interessante verificar se ambas as equipas conseguirão quebrar os vícios tácticos que normalmente apresentam nesta temporada - os Leões desligados tacticamente, fraccionados no seu desenvolvimento ofensivo, agarrados ao excesso de cruzamentos para a área (ineficientes), parcos em combinações interiores e derivações diagonais (Nani escapa); e o Porto, viciado em canalizar o seu jogo pelo corredor central, sem grande capacidade para alargar o seu jogo nas alas.

VAVEL Logo
CHAT