Nico Rosberg arranca pole position ao cair do pano em Interlagos
Rosberg conquistou a pole por 0.033's (Foto: 1.skysports.com)

Nico Rosberg arranca pole position ao cair do pano em Interlagos

Nico Rosberg conquistou este sábado a pole position para o GP do Brasil. O alemão foi o mais rápido durante toda a sessão de qualificação, confirmando o bom momento em todos os FP do fim-de-semana. Lewis Hamilton com o segundo melhor tempo sairá ao lado do companheiro de equipa na primeira linha da grelha de partida no domingo, onde se jogará uma das cartas mais importantes do campeonato.

venancioslb
Pedro Venâncio

Espectáculo em Interlagos!

Com novo asfalto em todo o percurso, o circuito de Interlagos promete ser ainda mais espectacular e competitivo. Maior aderência dos pneus fez com que os pilotos pudessem travar mais tarde em inúmeras curvas e assim conseguir tempos ainda mais rápidos durante as sessões.

A sessão de qualificação em São Paulo iniciou-se com céu nublado e iminência de precipitação, algo que não se chegou a registar. O público, como sempre, encheu as bancadas de Interlagos em mais um grande prémio, onde, como já é habitual, se homenageou Ayrton Senna.

Tal como no GP dos EUA a Marussia e a Caterham voltaram a não participar, confirmando mais uma vez a mudança nas regras de eliminação nas sessões de qualificação. Assim, foram eliminados quatro pilotos na Q1, e outros tantos na Q2, para que a Q3 contasse com os habituais dez pilotos finais na discussão pela pole position.

A primeira sessão de qualificação foi levada com cuidado por algumas equipas que desde cedo mandaram os pilotos para a pista com receio de queda de precipitação. O uso de pneus macios foi regra em quase todas as equipas na Q1, excepto os Williams que fizeram os primeiros tempos com pneus médios. Fernando Alonso teve problemas menores na carga da bateria do Ferrari, algo que não atrapalhou o espanhol no final da sessão.

Sem incidentes a registar foram eliminados no final da Q1 os Lotus de Romain Grosjean e Pastor Maldonado, o Toro Rosso de Jean-Eric Vergne e o Force India de Sergio Perez. Nico Rosberg, o mais rápido em todos os treinos livres manteve o estatuto de mais rápido e continuou a levar a melhor sobre o seu companheiro de equipa.

Se a primeira sessão fez precaver muitas equipas em relação à queda ou não de chuva, a segunda foi ainda mais agitada. O receio que a chuva se abatesse sobre o circuito fez muitas equipas retardar o envio dos seus pilotos para a pista. Apenas nos instantes finais a Q2 mereceu destaque aquando da melhoria de registos dos pilotos da Williams que superaram o tempo de Lewis Hamilton.

Muitos pilotos correram atrás do prejuízo nas últimas voltas, caso de Vettel, Ricciardo ou Alonso. Ainda assim, todas as principais figuras do pelotão conseguiram o apuramento para a Q3. De fora da Q3 ficaram os Sauber de Esteban Gutierrez e Adrian Sutil, o Force India de Nico Hulkenberg e ainda o Toro Rosso de Daniil Kvyat, que não chegou a registar qualquer tempo na Q2.

A derradeira sessão ficou marcada pela presença de cinco equipas completas (Mercedes, Williams, McLaren, Red Bull e Ferrari). Ainda assim, a luta pela pole foi sempre entre os homens da Mercedes que deram show até à última volta em Interlagos. No final a vitória acabou por sorrir ao alemão que bateu o tempo de Hamilton já após bandeiras de xadrez.

É o tudo ou nada entre os Hamilton e Rosberg (Foto: 1.skysports.com)

Rosberg é o rei das pole position de 2014. Com a pole conquistada no Brasil, o alemão soma a 10º da temporada e a 14º da carreira. De salientar ainda que a Mercedes apenas não conquistou a pole position no GP da Áustria. Felipe Massa é o detentor da única pole position fora da equipa alemã.

Grelha de partida para o GP do Brasil

1 – Nico Rosberg (Mercedes) - 1:10.023

2 – Lewis Hamilton (Mercedes) - 1:10.056

3 – Felipe Massa (Williams) - 1:10.247

4 – Valtteri Bottas (Williams) - 1:10.305

5 – Jenson Button (McLaren) - 1:10.930

6 – Sebastian Vettel (Red Bull) - 1:10.938

7 – Kevin Magnussen (McLaren) - 1:10.969

8 – Fernando Alonso (Ferrari) - 1:10.977

9 – Daniel Ricciardo (Red Bull) - 1:11.075

10 – Kimi Räikkönen (Ferrari) - 1:11.099

Acompanha todas as incidências do Grande Prémio dos Brasil, este domingo pelas 16h, aqui no Vavel.

VAVEL Logo
CHAT