Real Madrid volta a golear
Rayo incapaz de parar fúria merengue

Real Madrid volta a golear

No jogo passado, a contar para o campeonato espanhol, Real Madrid voltou a golear, desta vez ao Rayo Vallecano.

fabia-cortinhas
Fábia Cortinhas

No passado sábado, 8 de Novembro, o Real Madrid voltou a golear para o campeonato espanhol, a contar para a 11ª jornada. A equipa espanhola derrotou o Rayo Vallecano por cinco bolas contra uma (5-1) e apresenta-se no primeiro lugar da tabela classificativa, deixando o Barcelona a espreitar a uma distância de dois pontos. 

Nesta goleada, pudemos contar com um golo de Gareth Bale aos 9' de jogo, vindo de uma assitência do alemão Kroos, que facilitou o trabalho de Bale, tendo este apenas "encostado" a bola para dentro da baliza. Quanto ao segundo golo do Real, este nasceu de um pontapé de canto e terminou ao bater no joelho de Sérgio Ramos e a penetrar a baliza adversária aos 40'.

Bale inaugurou o marcador na estrondosa vitória por 5-1

O Rayo Vallecano ainda viu uma réstia de esperança ao marcar o primeiro golo as 44', consequente de uma má decisão de James que, ao sentir-se pressionado, optou por atrasar a bola para o seu guarda redes e acabou então por permitir a Bueno apontar um golo na baliza de Keylor Navas, que substituiu Casillas, mesmo em cima do intervalo.

Iniciada a segunda parte, o Rayo Vallecano ainda viu a bola dentro da baliza de Navas mas o golo teria sido apontado de forma irregular. Quanto ao Real Madrid, chegaram 10 minutos para afirmar a sua superioridade e marcar o terceiro golo. Este foi apontado por Kroos aos 55', vindo de uma iniciativa de Cristiano Ronaldo que permitiu um remate colocadíssimo por parte do alemão.

Golo apontado por Toni Kroos e que terminou com a esperança do adversário

O Real Madrid não se ficou por aqui e aos 59' viu de novo a bola a penetrar a baliza adversária. Cristiano Ronaldo rematou mas foi Benzema quem colocou a bola para lá da linha de golo, apesar de este estar em posição irregular. 

Para fechar o marcador, o actual melhor jogador do mundo teve que deixar a sua marcar ao apontar o quinto golo, golo esse que foi um tanto facilitado por parte de Álvarez que sofreu um "frango" e permitiu a Ronaldo fechar este jogo com mais um golo na sua coleção pessoal.

VAVEL Logo