Romain Grosjean confirma que fica na Lotus
Grosjean já pode sorrir. (Foto: Sutton Images)

Romain Grosjean confirma que fica na Lotus

O piloto terá inadvertidamente confirmado na sua conta do Twitter que ficará na Lotus para a temporada de 2015. A equipa mantém o mesmo line-up deste ano.

pedro-mendes
Pedro Mendes

Pelo que parece, o piloto francês Romain Grosjean adiantou-se ao comunicado oficial da equipa, já que o tweet foi apagado pouco depois de ter sido publicado. A publicação não passou, porém, despercebida ao site Skysports F1, mas ainda não existe nenhuma nota oficial por parte da equipa de Enstone.

O tweet de Romain Grosjean (foto: Twitter)

Continuidade assegurada

A ser verdade, e não existe nenhuma indicação do contrário, Romain Grosjean vai ser piloto Lotus pela quarta temporada consecutiva, mantendo a equipa a aposta no francês. Lembramos que as primeiras épocas de Grosjean na equipa britânica não foram fáceis, com a acusação de vários pilotos de que Grosjean era perigoso e não estava preparado para estar ao mais alto nível na F1. 

Mesmo assim, a equipa manteve-o no line-up, juntando-o a um "renascido" Kimi Räikkönen em 2012. Na época seguinte, 2013, Romain mostrou-se mais consistente e as criticas deixaram de surgir. O final da época de 2013, com a saída de Kimi já anunciada, os resultados de Romain Grosjean começaram a aparecer e terminou o ano em 7º lugar, com 6 pódios no "bolso" e com a Lotus a retirar os devidos dividendos, ao terminar em 4ª na tabela de construtores, à frente da mítica Mclaren.

A mesma dupla

Este ano, o francês de 28 anos não tem conseguido chegar aos pódios, nem sequer lá perto. O colega de equipa mudou, entrando Pastor Maldonado para o lugar deixado vago por Räikkönen, mas os resultados teimam em não aparecer, muito por culpa do monolugar. O Lotus E22 não é fiável e os pilotos muitas vezes têm de desistir das corridas, não estando competitivos.

A confiança no trabalho desenvolvido pelos pilotos mantém-se (no caso de Maldonando, será a confiança nos seus patrocinadores) e a Lotus já tinha confirmado Maldonado. Agora, pelos vistos, é a vez de Grosjean, pelo que nos parece a melhor decisão, até porque os melhores pilotos estão já encaminhados para outras equipas de topo.

Falta saber se com esta dupla e um melhor carro, a Lotus pode ser considerada novamente uma equipa competitiva. 

VAVEL Logo
CHAT