Apesar dos casos de doping, Astana obtém licença World Tour
Foto: Cycling Weekly

Apesar dos casos de doping, Astana obtém licença World Tour

Estavam sob reserva as ponderações da UCI sobre a emissão da licença World Tour à formação cazaque da Astana, tudo por causa dos cinco casos de «doping» verificados na temporada de 2014. Ontem a decisão do organismo foi no sentido de licenciar a equipa dirigida por Vinokourov e capitaneada por Nibali.

vavel
VAVEL

Foi ontem emitida a licença que permitirá à equipa da Astana, natural do Cazaquistão, fazer parte do pelotão do World Tour na temporada de 2015. A UCI adiou uma semana a emissão da licença devido aos cinco casos de doping verificados no presente ano - algo que não afectou a decisão do organismo que tutela o ciclismo, que acabou por dar luz verde à participação cazaque no circuito World Tour.

Com o veredito positivo, a formação dirigida pelo ex-ciclista Alexandr Vinokourov poderá girar na alta roda do circuito internacional, onde as grandes Voltas marcam presença. Desta feita, o líder da esquadra, Vincenzo Nibali, poderá defender o título conquistado em terras gaulesas, já que foi o italiano o vencedor do prestigiado Tour de France 2014.

VAVEL Logo
CHAT