As mudanças ambiciosas no Internazionale

As mudanças ambiciosas no Internazionale

O treinador italiano quer dar outro nível ao clube de Milão e as inclusões de Podolski e Shaqiri mudaram, para melhor, a equipa. Realce para a inclusão nos treinos de Zé Turbo de 18 anos, que foi até à pouco tempo jogador do Sporting.

paulopereira79
Paulo Pereira

Roberto Mancini quer dar uma nova competitividade ao Inter e isso acontece com dinheiro, obviamente. As entradas de Podolski e Shaqiri vieram dar outra qualidade à equipa mas o italiano quer mais. Mancini sonha com o «todo-o-terreno» Yaya Touré que já deu mostras que poderá sair do Manchester City: «Yaya é um dos futebolistas mais fortes do Mundo», afirmou o técnico italiano.

Jogou em muitas equipas, tal e qual um «globetrotter»: na Bélgica, em Espanha e em Inglaterra. Falta o campeonato italiano e esta pode ser a altura para essa aventura acontecer. «Estamos a construir uma equipa no Inter e há jogadores que têm a capacidade de mudar a face de uma equipa». Outro jogador que poderá chegar à cidade de Milão é Ezequiel Lavezzi; a Gazzetta dello Sport, diário desportivo italiano, assegura uma troca com Guarín, ex-jogador do F.C. Porto. Matteo Darmian, lateral do Torino e Marcelo Brozovic do Dinamo Zagreb são nomes que se falam para reforçar a equipa.

Com o actual 11º lugar no campeonato e afastado da Taça de Itália pelo Nápoles, os «Nerazzurri» tentam voltar aos seus anos dourados. Diego Milito, antigo avançado do Inter acha que, «todos conhecem Mancini, é um grande treinador, com bastante experiência. Não tenho dúvidas de que vai ser capaz de fazer o Inter regressar ao topo». Em fevereiro o treinador chamou para os trabalhos da equipa principal Zé Turbo, que se desvinculou recentemente do Sporting.

VAVEL Logo