Chicotada psicológica no Estoril - Couceiro fora de combate
Foto: Tiago Petinga/EPA

Chicotada psicológica no Estoril - Couceiro fora de combate

O desfecho é o esperado, José Couceiro já não é o treinador do Estoril Praia . Num comunicado emitido esta manhã, o presidente canarinho tornou  oficial a rescisão amigável  do contrato por mútuo acordo. Hugo Leal já é falado como possível sucessor.

francisco-dias
Francisco Dias

O Estoril Praia está oficialmente à procura de um novo treinador. A saída de José Couceiro era inevitável e num comunicado emitido na manhã desta terça feira, os responsáveis  estorilistas consumaram o despedimento do técnico português, que acaba por sair do clube de forma pacífica. O estratega não resistiu aos maus resultados no campeonato e a gota de água foi a goleada sofrida no Estádio da Luz, onde o Estoril acabou esmagado por seis bolas a zero, somando a quinta derrota consecutiva. 

Couceiro leva cartão vermelho dos amarelos estorilistas 

O verão de 2014 trouxe uma quente revolução na equipa técnica do Estoril Praia. Para colmatar a saída de Marco Silva para o Sporting, o presidente do clube da linha contratou o experiente treinador José Couceiro, que chegou ao Estoril com o objectivo de chegar aos 16 avos de final da Liga Europa e terminar o Campeonato nos 7 primeiros da tabela.

O legado de Marco Silva pesou bastante, bem como a saída de Evandro para o Porto, denotando-se desde cedo uma instabilidade no futebol canarinho. Depois de duas épocas de sonho o Estoril passou a ser uma formação frágil a defender e irreconhecível na eficácia ofensiva, levando os adeptos a contestar o lugar de Couceiro ao leme da equipa. Na estreia europeia os estorilistas terminaram a fase de grupos em último lugar e sem somar qualquer triunfo. Apesar da péssima prestação do Estoril na Europa, o que realmente preocupava os responsáveis do clube era a classificação na Liga Portuguesa e é assim que 6 meses volvidos se oficializa a desvinculação de José Couceiro com o emblema amarelo.

O treinador abandona o comando técnico do Estoril, deixando a equipa num desastroso 12o posto com apenas 6 Vitórias, 7 empates e 10 desaires, com 25 pontos conquistados. A recente humilhação frente ao líder Benfica foi o consumar de um desfecho que já era esperado e depois de 5 derrotas consecutivas é possível afirmar que José Couceiro acabou por morrer na praia. Para conhecer em pormenor os contornos da demissão de Couceiro, leia o seguinte comunicado emitido pelo presidente. 

COMUNICADO ESTORIL SAD
      
«A Estoril Praia Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o técnico José Couceiro para a revogação de contrato de trabalho, por mútuo acordo.
 
A Estoril SAD agradece ao treinador e à sua equipa técnica por todo o trabalho, empenho, dedicação e profissionalismo demonstrados, desde o primeiro dia em que chegaram ao Estoril Praia.
 
A Estoril Praia Futebol, SAD deseja as maiores felicidades para a carreira profissional e vida pessoal de José Couceiro e restante equipa técnica.
»

VAVEL Logo
CHAT