Mercedes apanhada de surpresa pela Ferrari, admite Wolff

Mercedes apanhada de surpresa pela Ferrari, admite Wolff

Toto Wolff reconheceu que a Mercedes não esperava ser apanhada pela Ferrari no GP da Malásia, e que a vitória dos italianos foi inteiramente merecida.

hugopalmeida
Hugo Picado de Almeida

“Não esperávamos que a Ferrari nos alcançasse na segunda corrida.”, confessou Toto Wolff, director da Mercedes, equipa que dominou 2014 (venceu 16 das 19 corridas) e que venceu o GP da Austrália, a primeira prova de 2015.

"A Ferrari mereceu vencer"

O avanço que a equipa alemã conseguiu sobre toda a competição não deixava antever, portanto, que a Ferrari roubasse à Mercedes o primeiro lugar do pódio na Malásia. “Perder a corrida de forma clara foi uma surpresa e uma chamada de atenção, o que é bom para nós. A Ferrari mereceu vencer, e do ponto de vista da corrida temos de reconhecer o grande desenvolvimento da parte deles.”, declarou Wolff, cuja equipa sofreu bastante com a degradação dos pneus usados no calor malaio. Os próprios pilotos da marca, Hamilton e Rosberg, questionaram as decisões da equipa, que correu maioritariamente com o composto duro em vez do médio, mais rápido.

Para Wolff, não seria porém “justo dizer que nós perdemos a corrida em vez de dizer que eles a ganharam. (…) É algo positivo para F1. É a segunda corrida e ganhou uma segunda equipa.”, preferiu destacar o líder da Mercedes.
 

VAVEL Logo