Premier League: «Red Devils» subjugam «Citizens» no 'derby' de Manchester

Premier League: «Red Devils» subjugam «Citizens» no 'derby' de Manchester

No decorrer da jornada 32 da Premier League, o Manchester United recebeu em Old Trafford o rival Manchester City, vencendo o «derby» da cidade por 4-2 e acabando com o sonho da revalidação do título por parte do ainda campeão. Os «Red Devils» ocupam a terceira posição com mais quatro pontos que os «Citizens».

vavel
VAVEL

O Manchester United recebeu ontem, no treatro dos sonhos de Old Trafford, o rival Manchester City, numa disputa directa pela terceira colocação da Premier League onde a responsabilidade de manter a esperança do título cabia ao campeão Manchester City, ainda no encalço do líder Chelsea - mas, para infelicidade «citizen», a vitória foi arrebatada pela formação da casa, que dessa feita quebrou a senda de quatro triunfos do City em «derbies» na Premier League.

Uma questão de 'derby': United quebrou senda de triunfos do City na Premier League

O Manchester United, que não triunfava ante do rival desde Dezembro de 2012 (2-3 no Etihad Stadium) e não celebrava uma vitória caseira no «derby» desde o dia 12 de Fevereiro de 2011 (2-1 foi o resultado final), nem sequer entrou com o pé direito na partida - o golo inaugural pertenceu aos visitantes, que marcaram por intermédio de Sergio Aguero, após passe fatal do extremo espanhol David Silva.

Ashley Young serviu golos depois de ele próprio festejar 

Cedo começava a vencer o Manchester City de Manuel Pellegrini - logo aos 8 minutos, num arranque de jogo que nada de bom augurava para a equipa do holandês Van Gaal. Mas a resposta da formação da casa foi eficaz e, de uma acentada, virou o jogo ao contrário: aos 14 minutos, Ashley Young disparou para empatar, e treze minutos depois, cruzou para o belga Marouane Fellaini, que, de cabeça, reanimou Old Trafford.

Na segunda parte, a toada do jogo manteve-se controlada pelo meio-campo do Manchester United; os golos que animaram a recta final da partida aconteceram após o minuto 65 - Juan Mata, um dos maestros da armada do United, deu o melhor seguimento a um passe de Wayne Rooney e, de pé esquerdo, bateu Joe Hart. O terceiro golo dava maior tranquilidade à equipa da casa mas o domínio caseiro deixava adivinhar mais tentos.

O quarto golo surgiu aos 73 minutos - novamente na jogada esteve Ashley Young, que voltou a executar uma perfeita assistência para golo. O defesa central Chris Smalling agradeceu e, de cabeça, aumentou a vantagem dos «Red Devils». Young rubricou uma das suas melhores exibições da temporada. Aguero reduziu para 4-2 ao minuto 89, batendo De Gea pela segunda vez na partida - de nada serviu a boa pontaria do pequeno génio argentino.

City despede-se, título numa bandeja de prata para o Chelsea

Com esta derrota, o Manchester City despediu-se do título inglês - o Chelsea, com menos um jogo, tem neste momento mais doze pontos que o campeão «citizen» e está perto da consagração, tendo como perseguidor mais directo o Arsenal (a sete pontos de distância). O Manchester United defendeu a sua terceira colocação, somando agora mais quatro pontos que os rivais. 

 

VAVEL Logo
CHAT