Polémica após derrota no Dragão: equipa médica do Bayern demite-se

Polémica após derrota no Dragão: equipa médica do Bayern demite-se

Os médicos alegam falta de confiança da equipa técnica e da própria estrutura directiva do clube bávaro.

TiagoPratas
Tiago Pratas

Ao todo, foram quatro, os médicos que se demitiram do Bayern Munique. O departamento médico dos bávaros alega que seus membros foram culpados pela estrutura do clube de Munique da derrota por 3-1, frente ao FC Porto, em jogo a contar para a Liga dos Campeões. 

O Chefe do Departamento Médico do Bayern disse em comunicado: «Por motivos inexplicáveis o departamento médico foi dado como o principal responsável pela derrota após o jogo  da Liga dos Campeões do FC Bayern Munique contra o FC Porto.» A saída em bloco aconteceu também após visíveis reprovações (ainda que desmentidas) de Pep Guardiola (na sequência da lesão de Benatia) e das declarações de Karl-Heinz Rummenigge, chefe-executivo do clube, que reprovou a quantidade de lesões.

Hans-Wilhelm Müller-Wohlfahrt, médico de 72 anos,  já liderava este departamento há longos 38 anos. De realçar, que a formação bávara apresentou-se frente aos dragões sem Robben, Ribéry, Javi Martínez, Schweinstiger e Alaba, todos devido a problemas físicos. 

VAVEL Logo
CHAT