Vítor Pereira: depois da glória no Porto, sucesso no Olympiakos

A três jornadas do fim, o Olympiakos festejou a conquista da Ethniki Katigoria 2014/2015, liga grega que será a quadragésima segunda a constar na vitrine do clube de Pireu. A formação da cidade de Atenas festejou o título no Sábado após o tropeção do rival Panathinaikos, e, no dia seguinte, celebrou a preceito, inflingindo quatro golos ao Levadiakos FC.

Desta feita, o treinador luso Vítor Pereira, que tanta controvérsia provocou nas primeiras semanas de trabalho na Grécia, festejou o seu terceiro campeonato nacional da carreira, o primeiro título além-fronteiras depois do sucesso interno nos dois anos em que comandou os destinos técnicos do FC Porto.

Depois de uma temporada ao serviço Al-Ahli Jeddah (2013/2014), Vítor Pereira, de 46 anos, voltou às lides europeias em Janeiro de 2015, assinado contrato com o Olympiakos, que, no campeonato, seguia atrás do rival de Atenas, Panathinaikos, aquando da ida do técnico para o clube campeão.

VAVEL Logo