1-0, MIN.77, MESSI. 2-0, MIN.81, MESSI. 3-0, MIN.90, NEYMAR.
Liga dos Campeões: Magia de Messi embala catalães rumo a Berlim
Messi foi, mais uma vez, herói em Barcelona.

Liga dos Campeões: Magia de Messi embala catalães rumo a Berlim

Num jogo emocionante do princípio ao fim foi o génio de Messi que desequilibrou neste verdadeiro combate de titãs. Barcelona e Bayern Munich não defraudaram as expectativas e proporcionaram uma partida intensa e de qualidade.

leandro-dinis
Leandro Dinis

As expectativas em torno do jogo de cartaz das meias-finais da Liga dos Campeões eram elevadas. De um lado o Barcelona de Iniesta, Suárez, Neymar ou Messi. Do outro o Bayern Munich de Neuer, Schweinsteiger, Muller ou Lewandowski. Num jogo largamente dominado pela turma catalã foi Lionel Messi, com a qualidade e exuberância que todos lhe reconhecemos, o fator decisivo na vitória 'culé' por três bolas a zero. O Barcelona está com um pé na final de Berlim.

Primeira parte de domínio catalão

Equilíbrio era a palavra dominante antes do apito inicial. A equipa de Luis Enrique, perante um Camp Nou completamente lotado, dominou durante todo o primeiro tempo, disponibilizando de oportunidades flagrantes de golo, esbarradas perante a parede Manuel Neuer

Desperdício «culé» na primeira parte

Luis Suárez teve a primeira grande oportunidade à passagem do minuto 11 quando surgiu isolado perante o guardião germânico, que numa mancha perfeita impede o golo do uruguaio. De seguida é Neymar quem surge em boa posição mas Rafinha, na hora certa, impede o golo do brasileiro. O Bayern de Munique apenas por uma vez criou perigo e logo com uma enorme oportunidade: assistência perfeita de Muller para Lewandowski que em excelente posição não consegue finalizar. Até ao intervalo o domínio do Barcelona fez-se sentir em mais duas ocasiões: primeiro é Suárez que após canto de Rakitic e solto de marcação não acerta com a baliza e por intermédio de Dani Alves, que já dentro da grande área atira para nova intervenção de Neuer.

Segunda parte com selo de génio Messi

Embora tenha equilibrado nos primeiros minutos do segundo tempo, a equipa orientada por Guardiola nunca conseguiu desmontar o esquema tático dos catalães. Num jogo disputado com alta intensidade em toda a linha, só em lances de bola parada ou num rasgo individual o rumo se podia alterar. Ao minuto 77 eis que decide aparecer quem mais sabe resolver, Messi. De fora de área, num remate seco de pé esquerdo, o astro argentino abria o marcador para a equipa da casa.

Messi bisou com contornos de brilhantismo inigualável

Volvidos três minutos e Messi decide mostrar todo o seu génio. Fantástico golo do camisola 10 que tira completamente Boateng da jogada para finalizar com muita classe perante Neuer. Momento de luxo que a memória do futebol certamente guardará.

Já no tempo de descontos e novamente com Messi na jogada, desta feita com uma assistência, Neymar fechou o resultado final em três bola a zero, colocando a equipa 'culé' em excelente posição na eliminatória.

Neymar fechou a contagem a passe de Messi

Espera-se um confronto bastante intenso em Munique. A equipa do Barcelona, apesar da vantagem conseguida esta noite, terá que se acautelar perante o poderio germânico, também eles com figuras capaz de alterar o rumo dos acontecimentos estando em jogo a presença na final da Liga dos Campeões.

VAVEL Logo
CHAT