À boleia da magia de Messi: recorde aqui os golos lendários do Barcelona

À boleia da magia de Messi: recorde aqui os golos lendários do Barcelona

O tento de Messi frente ao Bayern de Munique protagonizou um feito perante o mundo inteiro, mas, na História do Barcelona há outros golos que vão ficar para sempre na lembrança dos «blaugrana».

paulopereira79
Paulo Pereira

O golo protagonizado por Messi perante o Bayern de Munique terá sido, eventualmente, um dos mais graciosos da História do Barcelona. A maneira como a estrela argentina passa por Boateng para depois picar a bola sobre Neuer viajou o mundo. Aqui estão outros exemplos de grandes golos no percurso dos «blaugrana».

- Em partida da liga 1973-74 Cruyff marcou um golo incrível ao Atlético de Madrid. No Camp Nou o magnifico holandês consegui alcançar a bola após passe de Rexach ao segundo poste e Reina apenas esboçou olhar e nem fez o gesto para tentar alcançar o esférico.

- Golo de Diego Armando Maradona no Santiago Bernabéu. Depois de passar o guarda redes ainda fintou um defesa antes de introduzir a bola, isto em 1983.

- Menos espectacular o tento de Bakero na Alemanha frente ao Kaiserslautern, mas não menos importante. Depois de terem ganho 2-0 em casa, os alemães conseguiram chegar ao 3-0, mas Bakero marcou o golo da qualificação no último minuto. Lembremos que na edição de 1991/92 da Liga dos Campeões o Barcelona venceu a sua primeira Taça dos Campeões.

- Essa mesma Taça foi ganha perante a Sampdoria num livre directo de Ronald Koeman. Um grande remate do antigo treinador do Benfica sem defesa para Pagliuca.

- O golo de Romário na goleada imposta ao Real por 5-0. Um jogo lendário para os «blaugrana» em que o brasileiro “colou” a bola no pé direito fintando Alkorta e marcando perante a saída de Francisco Buyo.

- A galopada de Ronaldo «Fenómeno» contra o Compostela. O jogador controlou a bola no meio campo passou por todos e marcou. Em 1996 quanto tinha apenas 19 anos.

- O pontapé de bicicleta protagonizado por Rivaldo contra o Valência. No último minuto do jogo, na última jornada, frente ao adversário directo, o brasileiro marcou na vitória por 3-2 e conseguiu a qualificação para a Liga dos Campeões 2001/02.

- O tento «maradoniano» de Messi na Taça do Rei em 2007. Repetiu o feito protagonizado por Maradona frente à Inglaterra no Mundial do México. Correu 40 metros, tirando do caminho quatro adversários antes de concretizar.

- Jogo em Stamford Bridge, Michael Essien marcou o 1-0 e com o empate a zero na primeira volta o Chelsea iria passar à final da Liga dos Campeões. Foi então que no último minuto Andrés Iniesta marcou o golo do empate e qualificou a equipa para a final que iriam ganhar frente ao Manchester United de Cristiano Ronaldo (2-0).

VAVEL Logo
CHAT