Juventus x Barcelona: Doze anos depois, volta a 'Signora' para a 'Vecchia' final

Juventus x Barcelona: Doze anos depois, volta a 'Signora' para a 'Vecchia' final

Barcelona e Juventus defrontam hoje a Final da Liga dos Campeões, naquela que será a 8ª presença de ambas as equipas na última partida da competição.

maraguerra
Mara Guerra

Se o Barcelona procura angariar a sua 5ª Liga dos Campeões, e terminar a composição de uma época feliz, com possibilidade de alcançar um triplete (com os já alcançados campeonato espanhol e Taça do Rei) e repetir o pleno de 2008/2009, a rival italiana Juventus pretende também juntar ao «Scudetto» a 3ª Taça da Champions na sua história, contrariando uma pobre década europeia.

Há doze anos que a equipa de Turim não marcava presença na final do mais importante troféu europeu, sendo que a última ocorrência remete-nos para a época de 2002/2003, na qual escorregou perante o rival AC Milan, perdendo por 2-3 nas grandes penalidades. Na época, já Gianluigi Buffon guardava as redes da Vecchia Signora, tal como terá oportunidade de fazer mais logo. Curiosamente, o actual companheiro Andrea Pirlo, regista e estandarte da experiência dentro do grupo, estava na equipa de Milão, levantando a taça contra o seu actual emblema.

Duelo de médios na final de 2003

Na ambição da vitória, contra o potencial favoritismo espanhol, pode ser revelante a experiência de alguns atletas da Juventus nos palcos europeus, nomeadamente de Pirlo, Morata, Tévez e Evra, vencedores da Liga dos Campeões em anteriores clubes. Pirlo, como já dito, foi Camperão Europeu ao serviço do AC Milan, enquanto Tévez e Evra levantaram a taça ao serviço do Manchester United, em 2008. Já Morata, é campeão em título, embora na condição de suplente, uma vez que venceu a anterior edição ao serviço do Real Madrid. Por isso, poderá ser um dos quatro atletas que venceram, consecutivamente e com cores diferentes, a prova. 

E se recordes podem ser batidos na partida que logo se disputa, também Messi pode, no lado oposto, assinar um. Se marcar um golo, o«10» argentino será o primeiro jogador a marcar em três partidas finais da Liga dos Campeões. Como suporte, conta com um lote experiente de jogadores, sendo que, incluindo Messi, oito dos actuais atletas catalães disputaram a última final de 2011: Piqué, Xavi, Iniesta, Daniel Alves, Mascherano, Busquets e Pedro Rodríguez. 

Messi habituado a marcar em finais

No saldo das presenças em finais, que embora se contem em igual número (e que incluem a antiga nominação da competição), a simpatia númerica recai a favor do Barcelona, com 4 vitórias e três derrotas, sendo que as últimas festejos ocorreram em 2009 e 2011 frente ao Manchester United. Por seu turno, os italianos não erguem o troféu há 19 anos, desde a época de 1995/96, onde bateram o Ajax. Antes, tinham ganho em 1984/85 ante o Liverpool, constituíndo o seu par de vitórias na Liga dos Campeões.

VAVEL Logo
CHAT