Portugal bate Arménia: Cristiano Ronaldo de luxo salva exibição cinzenta

Portugal bate Arménia: Cristiano Ronaldo de luxo salva exibição cinzenta

A seleção das quinas bateu a Arménia por 2 x3 e vê  o apuramento para o Euro 2016 cada vez mais perto. Com o hat trick de Ronaldo, Portugal consolida a liderança do grupo I com 12 pontos conquistados.

francisco-dias
Francisco Dias

A selecção de todos nós deu um passo gigante rumo ao Euro 2016 arrancando um triunfo suado diante a Arménia com o resultado final de 2 x 3. Em solo arménio, Portugal alcançou a primeira vitória da história em solo arménio, com 3 tiros certeiros do melhor do mundo Cristiano Ronaldo.

No jogo em que Fernando Santos terminou o castigo que o impedia de estar no banco, a formação lusa, comandada por Ilídio Vale, venceu a Arménia por 2 x 3 numa exibição discreta e sem intensidade de jogo. A dependência de Cristiano Ronaldo fez-se sentir mais uma vez e com este resultado Portugal começa já a pensar em brindar o apuramento com champanhe francês.

Arménia entrou com o pé direito

No jogo jogado a Arménia entrou organizada e compacta com um bloco baixo sempre a espreitar o contra golpe. A equipa luditana entrou apática e o meio campo composto por Tiago e João Moutinho foi insuficiente para parar o organizado miolo dos arménios. Com o 4x4x2 idealizado por Fernando Santos, Portugal revelou debilidades na construção de futebol continuado, denotando a falta de entendimento entre Cristiano Ronaldo, Fábio Coentrão, Nani e Danny. O atleta do Zenit esteve apagado e parece ainda um corpo estranho no desenho táctico de Fernando Santos.

Perante a apatia dos portugueses, a Arménia tomou conta das operações, com relevo para a estrela da equipa Mkhitaryan, do Borussia de Dortmund, que dinamizou as saídas para o ataque. A primeira parte acabou por ser repartida com ascendente arménio e foi sem espanto que ao minuto 14 Marcos Pizzelli furou as redes das quinas num lance infeliz dos estáticos defesas nacionais. Neste tento, o guardião Rui Patrício ficou mal na fotografia, mas destaque negativo também para a passividade de todo o último reduto português. Na resposta, Portugal tentou aumentar os índices de agressividade, mas Moutinho era insuficiente para aguentar o  conjunto arménio. Ainda assim os lusos beneficiaram de uma grande penalidade ao minuto 29, e o capitão Cristiano Ronaldo não tremeu na conversão. O astro do Real Madrid e o melhor marcador de sempre da seleção restabeleceu a igualdade, registando-se um golo para cada lado até ao intervalo.

Cristiano Ronaldo resolveu, mas não dura para sempre... 

O segundo tempo começou com a Arménia em cima de Portugal, mas foi mais uma vez Cristiano Ronaldo a mostrar toda a sua classe e garra, aproveitando um desentendimento dos centrais para encostar para a reviravolta no marcador à passagem do minuto 55. Nas bancadas, portugueses e arménios festejaram, mas Cristiano Ronaldo decidiu, 3 minutos depois, voltar a fazer o gosto ao pé. O craque luso arrancou rumo à área contrária e ensaiou um tiro potente sem hipótese de defesa assinando o melhor golo da noite. Com o 1-3 no marcador, os lusitanos sofreram um duro golpe com a expulsão de Tiago por acumulação de amarelos, mas a partir daí Portugal passou curiosamente a jogar melhor. O técnico nacional promoveu a entrada de William Carvalho e Adrien, passando Portugal a alinhar com 3 médios.

Neste período, e apesar do domínio português, a Arménia voltou a assustar com o golo de Mkoyan ao minuto 71, ficando novamente Rui Patrício como vilão no filme de terror que foi a defesa das quinas. Os comandados de Fernando Santos suaram mas a vitória não escapou, e para o selecionador é a 4a vitória consecutiva no apuramento para o Euro 2016. A figura do encontro foi Ronaldo, que mais uma vez mostrou o porquê de ser o melhor jogador do mundo somando agora 55 tiros certeiros em 120 nacionalizações. 

A «selecção de todos nós» está a 2 vitórias de garantir o apuramento e comanda o grupo I com 12 pontos, mais 2 que o segundo classificado, a Dinamarca, que leva já 10 pontos. A Albânia encontra-se a fechar o pódio com 7 pontos e menos um jogo. A Sérvia está em quarto lugar com 1 ponto, logo seguido da Arménia que fecha o grupo no último lugar apenas com 1 ponto, sem qualquer chance de apuramento.

VAVEL Logo
CHAT