Benfica de Rui Vitória é o melhor após quatro jornadas de «Champions»

Quatro jogos, nove pontos: este é o saldo do Benfica de Rui Vitória depois da vitória caseira sobre os turcos do Galatasaray. Com os golos de Jonas e Luisão, o Benfica isolou-se no comando do Grupo C, mas não só. O triunfo na Luz tornou este actual Benfica o melhor desde que a UEFA Liga dos Campeões tem o presente o formato.

vavel
VAVEL
Benfica de Rui Vitória é o melhor após quatro jornadas de «Champions»

Quatro jogos, nove pontos: este é o saldo do Benfica de Rui Vitória depois da vitória caseira sobre os turcos do Galatasaray. Com os golos de Jonas e Luisão, o Benfica isolou-se no comando do Grupo C, mas não só. O triunfo na Luz tornou este actual Benfica o melhor desde que a UEFA Liga dos Campeões tem o presente o formato.

Se tivermos em conta o percurso do Benfica nesta edição da competição e o compararmos com as anteriores performances da formação encarnada, verificamos que, até à quarta ronda da fase de grupos da liga dos milhões, nunca o Benfica atingira os nove pontos. Pese embora o arranque de época tenha sido inconstante, Rui Vitória já deixou vestígios, europeus, da sua chegada ao clube.

Com Jorge Jesus ao leme, nunca o Benfica atingiu os 9 pontos em quatro rondas, tendo aliás, apenas se qualificado uma vez, em cinco tentativas, para os oitavos-de-final da «Champions», meta que Rui Vitória está prestes a garantir logo no ano de estreia. Nessa temporada 2011/2012, o Benfica de Jesus somou 12 pontos nas seis rondas, tendo apenas 8 à passagem da quarta jornada.

Na temporada de Ronald Koeman, em 2005/2006, a pontuação que permitiu às águias chegaram aos oitavos-de-final foi significativamente mais baixa: os encarnados somaram 8 pontos na totalidade das seis rondas (batendo o Manchester United na Luz, por 2-1, e carimbando o acesso à fase seguinte), e, à passagem da quarta ronda, apenas contavam com 4 pontos - o mesmo se passou na época 1998/1999, com Graeme Souness.

Na temporada 1994/1995, o Benfica voltou a ficar-se pelos 8 pontos à passagem da quarta jornada, apesar de não ter registado qualquer derrota nesses primeiros quatro duelos (vitórias frente ao Anderlecht e Steaua Bucareste e empates conta os romenos e o Hadjuk Split). 

VAVEL Logo