Após derrota contra vimaranenses, Petit demite-se do comando do Boavista
Petit deixa o Boavista. (FOTO: Lusa)

Após derrota contra vimaranenses, Petit demite-se do comando do Boavista

O técnico português deixou o comando dos axadrezados por motivos pessoais.

pedrocorreia
Pedro Correia

Petit anunciou, ontem, a sua demissão do cargo de treinador do Boavista, na sequência da derrota forasteira diante do Vitória de Guimarães por 2-1, na 11ª jornada da Liga NOS. Tendo comparecido já atrasado para a habitual conferência de imprensa, o técnico pediu desculpa à comunicação social pelo sucedido e, acompanhado pelo presidente da SAD do Boavista, Álvaro Braga Júnior, revelou a sua decisão. 

«Achei que primeiro devia falar com os meus jogadores, depois aqui com o presidente e com a administração», começou por afirmar. «A partir de hoje, deixo de ser treinador do Boavista. Desejo as maiores felicidades ao Boavista, um clube de que gosto muito e que merece estar na Primeira Liga. Este é o momento de poder sair e que o Boavista continue a ser como é, grande.», explicou.

Petit aproveitou, ainda, para agradecer ao clube pela forma como o ajudou na sua carreira e para mostrar confiança no futuro do seu plantel. «Agradeço ao Boavista tudo o que me deu na minha nova carreira de treinador. Fiz todos os possíveis para ajudar o Boavista. Foram três anos e meio fantásticos.», relembrou. «Às vezes, uma mudança dá um clique. A equipa tem trabalhado bem, ainda hoje fez mais um grande jogo. Teve a infelicidade do resultado, mas acredito que, com este grupo, a pessoa que vier possa dar esse clique para o Boavista sair a ganhar.», concluiu. 

Embora tenho sido expulso no decorrer do jogo e a sua equipa se tenha revelado incapaz de trazer pontos da "Cidade Berço", Armando Gonçalves Teixeira - vulgarmente conhecido por Petit - negou que a sua decisão estivesse relacionada com as circunstâncias desta partida. «São coisas pessoais, só. (...) Por mais que possa gostar do Boavista, também gosto de mim e achei que era a altura certa de sair. Já tinha falado com o presidente e por isso hoje terminei a minha ligação ao Boavista.», afirmou, acrescentando que já tinha a decisão tomada há alguns dias. 

Recorde-se que o treinador português de 39 anos, foi internacional português e jogador do Boavista e do Benfica, sendo que orientava a equipa nortenha desde 2012/13. No seu percurso pelos axadrezados, Petit desempenhou funções como jogador, treinador-jogador e, mais tarde, apenas treinador. O Boavista procura agora um substituto e segue em 15º lugar na tabela classificativa - à condição, uma vez que o União da Madeira possui 2 jogos em atraso -, com 9 pontos em 11 jogos realizados.

VAVEL Logo
CHAT