Escudar liderança na Madeira: Sporting visita Marítimo sem Slimani nem Teo

Escudar liderança na Madeira: Sporting visita Marítimo sem Slimani nem Teo

Sem Slimani nem Teo, o Sporting visita esta noite a Madeira e terá pela frente a oposição do Marítimo rumo à consolidação da liderança da Liga. Conseguirão os insulares travar o líder e reagir à derrota averbada diante do rival Nacional?

vavel
VAVEL

Esta noite, o líder Sporting visita os Barreiros com a pretensão frustar as esperanças de Porto e Benfica, que espreitam uma escorregadela sportinguista para se aproximarem do cume da tabela classificativa. Os Leões vêm de um suadíssimo triunfo frente ao Belenenses (caído do céu após penalidade máxima cometida por Tonel) e quererão, em contraste com o jogo de Alvalade, evitar sustos ou demoras na resolução da contenda.

Entrar de forma assertiva será a chave leonina de um jogo que o líder da Liga quererá resolver cedo, para não permitir ao perigoso Marítimo veleidades que se transformem num real tropeção - a oposição maritimista é dura e, e jogar perante o seu público, já frustrou os intentos do FC Porto, obrigando um Dragão sem chama a um empate 1-1. A equipa insular vem de uma derrota frente ao rival Nacional e pretende reagir já frente ao Sporting.

Mas o momento maritimista não é o ideal: o técnico Ivo Vieira apresentou a demissão após a derrota frente aos «alvinegros» e a sua definitiva saída é ainda uma incógnita, ainda que todos os dados apontem para que este seja o último jogo de Ivo Vieira à frente da turma madeirense. Entre a nébula da incerteza, o Marítimo terá de lidar com o comandante do campeonato sem os excluídos Raul Silva e Edgar Costa, ambos castigados.

Já o Sporting, que para a Liga não perde desde Março de 2015, terá de sobreviver às ausências de Teo Gutiérrez e Islam Slimani: o avançado colombiano está lesionado enquanto que o ponta-de-lança argelino irá cumprir um jogo de suspensão (devido ao amarelo recebido diante do Belenenses). Será expectável que Jorge Jesus lance Fredy Montero na partida e que Bryan Ruiz seja o seu parceiro de ataque (Gelson Martins será o extremo canhoto de serviço).

Onzes previsíveis do jogo Marítimo x Sporting:

VAVEL Logo
CHAT