1-0, min 69, Hulk; 1-1, min. 85, Gaitán; 1-2, min 90+5', Talisca.
Benfica está apurado para os quartos de final da Liga dos Campeões (1-2)

Benfica está apurado para os quartos de final da Liga dos Campeões (1-2)

francisco-dias
Francisco Dias
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

A epopeia benfiquista na Liga dos Campeões continua com Gaitán e Talisca a carimbarem o passaporte encarnado para o sorteio do próximo dia 18 de Março, onde para além dos vermelho e brancos, também já estão o Real Madrid e o Wolfsburgo. Da parte da VAVEL Portugal é tudo, continue a acompanhar a caminhada incrível do Benfica com o grande esférico das estrelas nos pés. Obrigado pela preferência e até à próxima!

Na primeira-parte, o Benfica e o Zenit estiveram equilibrados com um ascendente ligeiro para os russos. Na segunda-parte, o Zenit massacrou até ao minuto 70, mas a partir daí o Benfica reagiu ao golo sofrido e com uma crença gloriosa completou uma reviravolta histórica que ficará na memória de todos os benfiquistas. Ederson, Samaris e Gaitán (na segunda-parte) foram as figuras mais em foco nas águias e no Zenit, Danny, Hulk e Dzyuba bem tentaram, mas no conjunto das duas partidas acabou por se apurar a equipa mais forte, equilibrada e acima de tudo, a equipa que mais coração ofereceu ao duelo.

HISTÓRICO: o Benfica está apurado para os quartos de final da Liga dos Campeões. Depois da vitória na 1ª mão por 1-0 na Luz, os encarnados venceram novamente o Zenit por 1-2 com o registo inédito de terem conquistado pela 1ª vez um triunfo no terreno do Zenit. A liga de todos os sonhos teve a oportunidade de contar com um jogo verdadeiramente memorável com o Benfica a reagir muito bem ao golo sofrido por Hulk (min. 69), com Gaitán  (min. 85) e Talisca (min. 90+5) a mostrarem à Europa do futebol a mística benfiquista e a alma portuguesa que acabou por quebrar o gelo russo rumo às 8 melhores equipa do velho continente. 

90+5' FIM DA PARTIDA.

O brasileiro sambou por entre os defesas do Zenit e a poucos instantes do final ainda foi a tempo de garantir a vitória para as águias com um remate fulminante que só terminou no fundo das redes de Lodygin. 

90+5' GOLOOOOOOOOOO BENFICA! (Talisca)

90+5' Cartão amarelo: Hulk.

90+3' Smolnikov tentou pela última vez rematar, mas o guardião brasileiro do Benfica sorriu para a bola e prepara já a vodka para festejar a passagem da eleminatória frente aos russos.

90+2' SAI: Jonas, ENTRA: Talisca.

90+1' Ataque deseperado do Zenit com Danny a cruzar levando o esférico a passar por cima.

90' O árbitro dá mais 5 minutos de jogo.

88' Que grande remate de Hulk a passar muito perto do poste de Ederson.

Depois de uma bomba de Jiménez fora da área, a bola sobrou para o Picasso, Nico Gaitán que empurrou o esférico para o fundo das redes russas com um toque subtil de cabeça. O Benfica está agora com um pé e meio nos quartos de final da Liga milionária, precisando os russos de 2 golos para eliminarem os encarnados. Gaitán soma agora 3 golos na prova e é o grande salvador para eliminar a equipa de Villas Boas.

85' GOLOOOOOOO BENFICA (Gaitán)

82' Eliseu sobe no terreno de forma quase inédita no encontro, mas rematou muito fraquinho, Lodygin defende facilmente.

81' ENTRA: Yusupov, SAI: Maurício.

80' Incrível: Dzyuba caminhou na passadeira vermelha valendo Ederson mais uma vez a defender um remate do avançado do Zenit.

78' O ritmo de jogo está neste momento baixo com muitas lutas a meio-campo entre Maurício / Witsel e Fejsa / Renat. Tacticamente a partida está a ser emocionante!

76' Polémica: Salvio ganha posição na extrema direita, foi travado em falta mas o árbitro nada assinalou. Era um lance que poderia levar perigo às redes russas.

75' O jogo caminha a passoa largos para o prolongamento, uma vez que a partir de agora as equipas irão jogar de forma mais cautelosa e com medo de errar.

O técnico encarnado aposta no extremo puro argentino para dar maior velocidade ao ataque encarnado. 

72' SAI: Pizzi, ENTRA: Salvio.

71' QUASEEEEEEEEEEEE: Lindelof subiu para uma bola parada e obrigou Lodygin a uma defesa soberba depois de um cabeceamento do sueco. O Benfica responde bem ao golo sofrido.

Os benfiquistas ficaram a pedir falta sobre Nélson Semedo, mas Zhirkov subiu pelo terreno e cruzou para o canarinho Hulk que empata a eliminatória. O brasileiro volta a ser o pesadelo para os benfiquistas e não é que o Benfica não estivesse avisado. Rui Vitória desenhou a equipa de forma demasiado defensiva e os russos acabam por chegar ao golo de forma justa.

69' GOLOOOOOOO ZENIT (Hulk)

Os minutos vão passando e atravessamos agora um momento no jogo em que o Benfica não pode dar espaços ao Zenit, uma vez que os russos vão tentar a todo o custo chegar ao golo que empate a eliminatória.

67' ENTRA: Jiménez, SAI: Mitrouglou.

64' Ederson ao punho nega o golo ao Zenit depois de um cruzamento de Smolnikov.

63' No contra-ataque, Jonas tinha tudo para marcar, mas permitiu o corte ao defesa contrário.

61' Que aflição para a equipa do Benfica. Dzyuba ganha espaço na área e rematou por cima. O Benfica está a recuar demasiado e o Zenit pode não voltar a falhar.

59' ENTRA: Shatov, SAI: Kokorin

59' Novo canto para o Zenit. Os russos apertam o cerco às águias. Na sequência, Hulk encontra Smolnikov, mas Ederson voltou a vestir a capa de herói e defendeu de forma incrível.

58' ENTRA: Smolnikov, SAI: Anyukov.

O Benfica recuou no terreno nesta segunda-parte e é o Zenit que assume as rédeas do encontro criando muito mais perigo que as águias.

55' O Zenit ganha canto e o suspeito do costume prepara-se para levantar o esférico. No cruzamento a bola sobra para Maurício que acaba por visar a baliza sem grande direcção.

52' Que jogada! Kokorin finta a defesa das águias e passa para Dzyuba que acaba por testar os reflexos de Ederson, com o brasileiro a brilhar com uma grande defesa.

51' Samaris em grande: o grego corta um lance que Hulk construiu e mantém assim as redes de Ederson a 0.

50' Na sequência, o Zenit ganha canto com Hulk a levantar o esférico, mas a defesa benfiquista afastou de forma exemplar.

49' Cartão amarelo: Pizzi.

48' Pizzi afasta o adversário e o Zenit ganha livre que pode criar perigo. 

46' O Benfica começou bem com relevo para um bom lance de entendimento entre Renato e Gaitán mas acabou por faltar o último passe para Mitroglou.

45' Recomeça a partida.

Ao intervalo, o Benfica mantém a vantagem trazida da 1ª mão, valendo o golo de Jonas para colocar as águias no caminho dos quartos de final da Liga dos Campeões. O 0-0 ao descanso acaba por se aceitar, mas o Zenit esteve ligeriramente por cima do jogo conseguindo 2/3 oportunidades de golo para bater Ederson. O Benfica criou perigo por intermédio de Jonas e Renato com ambos os jogadores a rematarem fora da área levando a bola milionária a passar perto da baliza russa. Em termos individuais, Samaris e Renato têm estado furos acima dos companheiros. O grego está a cumprir na perfeição a tarefa de central, transmitindo confiança ao último reduto. Renato transportou a bola com bastante critério durante a primeira-parte e protagonizou ainda o lance de maior perigo para os vermelho e brancos. Nos russos, Hulk e Danny foram duas unidades endiabradas, mas ao intervalo o empate subsiste o que acaba por beneficiar a equipa portuguesa.

45+2' A águias acalmaram o ritmo intenso dos russos com grande destaque para Fejsa e Renato que conseguiram congelar o jogo a meio-campo e foi sem surpresa que o 0-0 se manteve até ao intervalo.

45' O árbitro deu 2 minutos de tempo extra.

40' Registo para quatro lances asfixiantes do Zenit, que tentou a todo o custo marcar antes do intervalo. Fica o elogio para a defesa benfiquista, que tem conseguido aliviar com maior ou menos dificuldade. Hulk, Dzyuba e Danny desenham bem as jogadas, mas na hora de finalizar aparece sempre uma águia pronta a cortar.

39' O brasileiro Hulk voltou a abanar a varinha e só foi parado em falta. Foco para o canarinho que tem sido um autêntico quebra-cabeças para os encarnados.

36' Hulk prepara-se para marcar o livre, depois da falta do grego. O brasileiro rematou com muito perigo e a defensiva vermelha e branca conseguiu aliviar para canto. Na conversão, o último reduto benfiquista voltou a resolver.

35´Cartão amarelo: Mitroglou.

34' Livre para Gaitán, mas o argentino não conseguiu dar a melhor sequência ao lance. O argentino está a passar ao lado do jogo .

33' Samaris tem sido um central improvisado incrível e foram raras as ocasiões em que o grego vacilou defensivamente.

31' Grande jogada: depois de um canto mal cobrado pelo Zenit, as águias voaram para o contra-ataque com Gaitán e Pizzi a combinarem na perfeição encontrando posteriormente Nélson Semedo que rematou colocado para defesa de Lodygin.

29' Renato no Benfica e Danny no Zenit têm sido as peças mais em foco do jogo, numa partida táctica, digna da grande prova milionária.

27' Canto para o Zenit. Na sequência, o Benfica respirou de alívio uma vez que Danny desperdiçou a bola parada.

25' O Benfica conseguiu manter as suas redes a 0, nos primeiros 25 minutos do encontro e pode ganhar confiança na abordagem ao jogo, faltando por vezes alguma calma na abordagem aos lances defensivos. Hulk e Danny têm surgido soltos de marcação faltando tranquilidade a Nélson Semedo e Eliseu

21' Ederson herói: saída incrível do guarda-redes benfiquista que evitou o golo a Dzyuba, depois de uma jogada bem construída por Hulk e Danny.

20' Hulk respondeu pelo flanco esquerdo, fez o que quis de Nélson Semedo e cruzou para área onde Ederson acabou por resolver.

19' Que bomba: Renato Sanches sacou da pistola e com um tiro fulminante fez o esférico das estrelas passar a centímetros do poste.

17' Gaitán sofre falta de Kokorin e em zona privilegiada as águias poderão levar peirgo às redes do Zenit. Da conversão não resultou qualquer perigo.

14' Esta fase inicial tem sido marcada por um equilibrio territorial e em termos de oportunidade de golo, o empate subsiste: Jonas e Dzyuba estiveram perto de inaugurar o marcadaor.

13' Jonas baralhou a defesa russa e ganhou espaço para rematar, mas o tiro acabou por sair fraco facilitando a defesa a Lodygin.

11' Na sequência de um canto, Gaitán encontrou Jonas, mas o árbitro invalidou o lance por suposta falta do brasileiro.

10' O Benfica subiu um pouco no terreno nos últimos minutos e tem mantido a bola longe da sua área.

8' Danny está endiabrado e tem provocado o pânico na improvisada defesa do Benfica. Fica o resgisto par aum início de jogo interessante.

6' GRANDE OPORTUNIDADE PARA O ZENIT: Danny encontra solto de marcação Dzyuba com o avançado do Zenit a utrapassar Samaris rematando com muito perigo para as redes de Ederson.

4' Na marcação do canto, o Benfica criou perigo, mas a defendisa russa aliviou o esférico exemplarmente. 

2' Livre perigoso para o Benfica: Jonas prepara-se para bater e remata de uma forma extraordinária para uma defesa atenta do guardião do Zenit.

2' Nos instantes iniciais, o Zenit tenta assumir as hostes ficando o registo apenas para um passe perigoso de Fanny, que Nélson Semedo conseguiu resolver.

1' No primeiro ataque do Zenit é visível o posicionamento de Samaris ao lado de Lindelof no centro da defesa, confirmando-se a aposta da VAVEL Portugal.

1' Rola a bola das estrelas!

As 22 estrelas já estão em campo e, apesar dos 4º negativos, a temperatura em torno da partida está escaldante.

16:55. O hino da liga milionária é bem audível no estádio Petrovsky e é arrepiante sentir a atmosfera em torno de um jogo tão empolgante. 

16:35. Já se sente um ambiente da magnífica prova das estrelas e as equipas já subiram ao relvado para os habituais exercícios de aquecimento.

A grande surpresa no onze de Villas-Boas é a presença do português Luís Neto, que deixa o habitual titular Garay encostado ao banco de suplentes. O argentino não recuperou fisicamente, sendo uma grande contrariedade para o técnico lusitano. No meio-campo, Maurício entra para o lugar do castigado Javí Garcia, compondo o miolo, onde o ex-benfiquista Witsel também está presente. Os suspeitos do costume Danny e Hulk serão duas setas apontadas às redes de Ederson.

16:25. Zenit: Lodygin, Anyukov, Neto, Lombaerts, Zhirkov, Maurício, Witsel, Danny, Hulk, Kokorin e Dzyuba.

Tal como era esperado, Rui Vitória joga pelo seguro e aposta em Samaris para preencher a zona central da defesa, fazendo Fejsa compôr a dupla de meio-campo com Renato Sanches. O jovem Rúben Dias iniciará a partida no banco de suplentes e terá de aguardar um pouco mais pela estreia oficial de águia ao peito. A restante equipa é a habitual, com uma frente de ataque extraordinária que contará neste jogo com o apoio do veloz lateral, Nélson Semedo. 

16:20. Benfica: Ederson, Nélson Semedo, Samaris, Lindelöf, Eliseu, Fejsa, Renato Sanches, Pizzi, Gaitán, Jonas e Mitroglou.

16:17. Já há onzes oficiais!

15:40. Nas águias, as ausências obrigarão Rui Vitória a lançar Nélson Semedo em vez de André Almeida, e Fesja no lugar de Jardel (Luisão e Lisandro continuam entregues ao departamento clinico benfiquista).

15:35. Nos Russos, Criscito e Javi Garcia estarão de fora do grande jogo por castigo, tratando-se de duas baixas fulcrais na estratégia do técnico luso do Zenit.

15:30. No lado encarnado, Rui Vitória deverá ser fiel à filosofia de jogo habitual, apostando no 4-4-2. A defesa improvisada pode ser um factor de preocupação, visto que o Zenit quererá chegar ao golo com intensidade. Perante isto, o papel de Samaris e Renato será fundamental para formar um muro a meio campo que dê cobertura a Nélson Semedo, Fesja, Lindelof e Eliseu. Na frente Gaitán, Pizzi, Jonas e Mitroglou estarão sempre à espreita de um contra ataque que resulte num golo que mate a eliminatória.

15:25. No Zenit, André Vilas Boas terá em Danny e Hulk as principais referências de ataque e irão entrar a todo o gás para, no mínimo, empatar a eliminatória o mais rápido possível. O ataque ao Benfica criará espaços para os encarnados explorarem, com a agravante da equipa Russa não poder contar com o trinco ex-Benfica Javi Garcia.

15:20. Rui Vitória aproveitou a conferência de imprensa para passar a mensagem de que o Benfica viajou para a Rússia para marcar golos, e não adormecer à sombra da magra vantagem: "Temos a convicção muito grande de que queremos passar esta eliminatória (...). Estamos aqui com o objetivo de marcar a esta boa equipa". O técnico vermelho afirmou ainda que André Villas Boas tem muita qualidade: "André é um belíssimo treinador (...). Tem feito um trabalho fantástico por onde tem passado, particularmente no Zenit". 

Zenit x Benfica

15:15. Em decalarações aos jornalistas, o técnico do Zenit abordou o estado físico da sua equipa: "Finalmente temos jogos nas pernas e o prolongamento permitiu melhorar a condição", aproveitando também para reafirmar total ambição de bater a águia, utilizando o factor 'casa'. "Jogamos em casa, num ambiente difícil para o adversário, os adeptos podem fazer a diferença e a nossa organização pode-nos levar à final". Por fim, Vilas boas teceu rasgados elogios ao Benfica, com especial destaque para o ataque encarnado: "Vamos tentar de todas as formas possíveis criar o máximo de soluções para garantir a vitória. Depois, não podemos atacar sem ter cuidado de um dos melhores ataques da Europa". 

15:10. Os benfiquistas chegam a este embate com confiança redobrada depois de terem alcançado a liderança isolada da Liga NOS. No derby lisboeta as águias bateram o Sporting por 0-1 em Alvalade, e apesar do sofrimento sorriaram no final, saindo do duelo mais fortes e convictos de que ultrapassar o Zenit estará perfeitamente ao seu alcance.

15:00. O apito milionário estará ao cargo do internacional húngaro Viktor Kassai. O juiz desta decisiva partida dos benfiquistas conta já no currículo com 5 presenças em jogos da formação da Luz, tendo relizado a sua estreia em jogos com as águias em 2007. A equipa encarnada fica avisada de que na Liga dos Campeões não poderá ter as mesmas abordagens aos lances que tem na Liga Portuguesa, uma vez que nesta competição a exigência é extrema. 

14:50. Nos oitavos-de-final da Liga Milionária a sorte ditou que o Zenit voltaria a cruzar-se com as águias, e no dia 16 de fevereiro de 2016 os encarnados derrubaram os russos, equilibrando o duelo particular com a equipa de Vilas Boas. O hino da Champions embalou os benfiquistas para uma exibição razoável, mas só ao minuto 90 puderam respirar de alívio. Num lance de laboratório, Jonas surge na área de forma oportuna, fazendo o golo que deixa as águias em vantagem para a 2ª mão na Rússia. 

Zenit x Benfica

O Benfica foi até à Rússia na época passada, perdendo por 1-0
O Benfica foi até à Rússia na época passada, perdendo por 1-0

14:40. Para a temporada 2014/2015, o Benfica integrou o grupo C da Liga dos Campeões, onde teve de defrontar a equipa do Zenit. Com o esférico das estrelas, a viagem até ao recinto do Zenit acabou por se revelar uma verdadeira montanha russa. A equipa de André Vilas Boas foi mais forte e coesa na abordagem ao jogo, registando-se um triunfo de 1 bola a 0, com o português Danny a ser o carrasco do emblema da Luz. A estatística vale o que vale e resta agora aos pupilos de Rui Vitória gelar o frio russo com uma chama imensa. 

14:25. No Estádio Petrovsky, a História é completamente desfavorável aos encarnados. A equipa de Rui Vitória procurará contrariar este registo na Rússia, que conta com 2 duelos com 2 triunfos para a formação orientada por André Vilas Boas.

1ª mão dos oitavos-de-final // Foto: AFP/Getty Images
1ª mão dos oitavos-de-final // Foto: AFP/Getty Images

14:20. No Estádio da Luz, as duas equipas já mediram forças por 3 vezes, com as águias a voarem mais alto por 2 vezes (uma delas na 1ª mão desta eliminatória), e o Zenit apenas venceu por 1 ocasião. 

Zenit x Benfica

14:15. Nos últimos anos, Benfica e Zenit jogaram 5 partidas, com vantagem para os russos. A equipa de André Vilas Boas já triunfou por 3 ocasiões e as águias apenas levaram a melhor por 2 vezes.

Petrovsky Stadium // Foto: stadiumguide.com
Petrovsky Stadium // Foto: stadiumguide.com

14:10. O Estádio Petrovsky será o recinto do duelo de todas as decisões entre Zenit e Benfica. A temperatura à volta do palco será gelada, mas o ambiente nas bancadas será escaldante, esperando-se lotação esgotada. Inaugurado em 1925, o Estádio tem capacidade para 20 985 espectadores, sendo o palco ideal para um embate de campeões.

14:00. A VAVEL Portugal convida-o a ouvir o arrepiante hino da Liga dos Campeões. A prova de todos os sonhos está de volta e a emissão do grande jogo Zenit x Benfica é absolutamente imperdível para os benfiquistas e portugueses em geral. Para a segunda mão dos oitavos-de-final da Champions, as ambições encarnadas são quase tão gigantes como a sua história. Acompanhe em VAVEL Portugal todos os lances, fintas, passes e, claro, a emoção de cada tiro certeiro. O pontapé de saída está marcado para as 17h e da nossa parte pode contar com uma cobertura total da competição mais empolgante do futebol mundial. 

VAVEL Logo
    CHAT