Benfica : Via aberta para o título ?
Benfica : Via aberta para o título ?

Uns dizem que é sorte, outros chamam-lhe qualidade e outros ainda dizem que é por demérito de outrem. Verdade ou não, a realidade é que este Benfica está cada vez mais perto de garantir o Tetra.

O empate com o Sporting segurou a liderança por mais uma jornada e a escorregadela do FC Porto frente ao Feirense só veio confirmar que já está tudo a pensar no mesmo: O tetra do Benfica está a pouco mais de 360 minutos de distância e são muito poucas as probabilidades de ele escapar.

O tabu

Da última vez que os encarnados tiveram de discutir o título de Campeão Nacional directamente com o FC Porto, as coisas não correram bem. O golo de Kelvin, já em tempos de descontos, ditou a queda do sonho e o assunto parece que virou Tabu para a equipa encarnada.

Na altura, era Jorge Jesus quem estava no comando da equipa técnica dos vermelhos e brancos e desde a temporada 2012/13, as coisas mudaram muito.

Pelo meio já se contam três títulos de Campeão Nacional, sendo que dois deles ainda foram conquistados pelo actual treinador do Sporting, 3 Taças da Liga, 1 Taça de Portugal e 2 Supertaças.

Agora chega a oportunidade de garantir o Tetra campeonato e, dependendo apenas de si mesmo para o fazer, o Benfica não pode deixar escapar a oportunidade. Ainda assim, no final do encontro com o Sporting, Luís Filipe Vieira disse que os adeptos das águias terão de manter o objectivo na cabeça e os pés bem assentes na terra. "Temos um objectivo muito claro, que é o tetra. Temos os pés bem assentes no chão, o grupo de trabalho sabe o que tem pela frente e que são quatro finais. Peço que não embandeirem em arco, porque já tivemos um desgosto com grande dissabor. "

Está tão perto que se pode tocar

Faltam quatro jogos para terminar o Campeonato e o Benfica segue na frente, dependendo apenas de si mesmo para garantir o tão desejado Tetra que foge desde sempre.

Só o FC Porto e o Sporting conhecem no Campeonato Português o que é vencer por quatro vezes consecutivas. Apesar de os encarnados terem 35 títulos de Campeão conquistados (mais 8 que o FC Porto), das 6 vezes que conseguiram atingir o tri nunca passaram desse mesmo registo. É tempo de fazer história agora e toda a gente sabe que ela está muito perto de ser conquistada.

Falta jogar com o Estoril, Rio Ave, Guimarães e Boavista. Depois de ultrapassado, quase com sucesso, o Sporting a frase do "Ninguém pára o Benfica " nunca fez tanto sentido. Contudo é importante recordar os resultados da primeira volta para que, ou se repitam ou se melhorem.

Na visita ao Estoril os encarnados garantiram os 3 pontos com uma vitória por 1-0 com um golo de Jimenez aos 60'. Já na recepção ao Rio Ave os dois golos de Mitroglou (14') e de Pizzi (41') foram mais do que suficientes para voltar a vencer.

Em Janeiro, foram duas as visitas a Guimarães e pelas duas vezes o 2-0 a favor das águias foi o resultado final. Os golos de Jonas (12') e Mitroglou (42') mostraram que no Berço Português quem mandou foi o Campeão, mas na recepção ao Boavista a conversa foi outra.

O empate a 3 trouxe as primeiras dores de cabeça para o Benfica no que à preocupação que o FC Porto poderia causar, mas a verdade é que na penúltima jornada da primeira volta empate a zeros dos dragões com o Paços de Ferreira não alterou em nada as contas do título.

Em resumo o Benfica só precisa de vencer até ao fim e mesmo que perca um dos jogos que tem pela frente e que o FC Porto consiga ficar em igualdade pontual, a diferença de golos favorece a equipa de Rui Vitória. O treinador que nunca tinha ganho a Liga Portuguesa pode agora fazer história para si, garantirá o seu bi-campeonato ao serviço do Benfica, e para o clube .

VAVEL Logo