A jornada 14 para os três «grandes»: ganhar ou... ganhar

Com o campeonato ao rubro, FC Porto, Sporting e Benfica seguem colados no topo da tabela classificativa e sem qualquer margem de manobra para eventuais perdas de pontos.

À passagem da 14ª jornada, a Liga NOS 2017/18 conta com os três «grandes» no topo da tabela classificativa e uma luta acesa pelo primeiro posto. Com o FC Porto em primeiro e em igualdade pontual com o Sporting, e o Benfica a apenas 3 pontos dos rivais, os «dragões» deslocam-se a Setúbal e os «leões» ao reduto do Boavista, enquanto que os encarnados recebem na Luz o Estoril Praia.

Benfica vs Estoril Praia: depois da Europa, o foco em Portugal

O primeiro a entrar em campo é o Benfica, pelas 18:15 deste sábado. Na sequência de um empate no Dragão e de uma caminhada europeia decepcionante do início ao fim, as «águias» recebem em casa o Estoril Praia com o intuito de vencer e colocar pressão nos rivais. 

Agora com a possibilidade de se focar inteiramente nas provas internas, Rui Vitória deverá operar algumas alterações na equipa - depois de ter poupado muitos jogadores no último jogo da Champions -, trazendo, entre outros, Pizzi, Krovinovic e Jonas de volta ao onze encarnado.

Do outro lado, surge uma equipa que está em último na tabela, que não marcou nas últimas 8 partidas e que não vence desde 19 de Agosto. Ainda assim, ao comando do novo treinador, o Estoril parece estar a inverter a situação, voltando a conquistar pontos, com dois empates a zero nos últimos dois jogos. Na antevisão da partida, o técnico Ivo Vieira foi o espelho da motivação dos «canarinhos» e referiu que não tenciona jogar à defesa no Estádio da Luz. «Prefiro perder e fazer tudo para ganhar, do que perder por 1-0 e nada fazer para ganhar», disse.

Em suma, será um duelo que opõe uma equipa ferida pelas competições europeias e com vontade de se destacar no campeonato  português a outra que caminha para uma recuperação sólida e se mostra decidida a tentar surpreender a turma de Rui Vitória.

Boavista vs Sporting: pressão acrescida

Um pouco mais tarde, às 20:30, «leões» e «axadrezados» medem forças no Estádio do Bessa. Relegada para a Liga Europa e a dividir a liderança com o FC Porto, a equipa de Jorge Jesus também deverá voltar ao onze habitual, apostando em Gelson, Coentrão e Bas Dost de início, apesar do cansaço acumulado de várias partidas.

Na antevisão da partida, enquanto que Jorge Jesus destaca a intensidade de jogo dos nortenhos e a necessidade de vencer para evitar perder terreno para os rivais, Jorge Simão (que apenas perdeu em casa frente ao FC Porto) realça o crescimento coletivo da equipa e a vontade de vencer. «Prefiro a possibilidade de disputar os três pontos, mesmo podendo não conquistar nenhum.», referiu.

Em resumo, trata-se de mais uma deslocação para o Sporting, depois da derrota em Barcelona e num campo historicamente complicado (e com a obrigação de vencer), num jogo em que as «panteras negras» prometem vender cara a derrota.

Vitória de Setúbal vs FC Porto: «portistas» serão os últimos a entrar em campo

Pelas 20:15 de domingo, é a vez dos portistas entrarem em campo, sabendo de antemão os resultados dos rivais. Em todo o caso, a situação é a mesma: ganhar ou... ganhar.

Depois do empate com o Benfica, os azuis e brancos não podem ceder mais pontos e terão de vencer uma equipa frente à qual não foram além do empate, nos últimos dois confrontos. Do outro lado, estará uma equipa montada pelo experiente José Couceiro e que, à semelhança do Estoril e do Boavista almeja mais do que um simples empate, nas palavras do médio João Costinha. «Nós nunca entramos em campo para o empate: entramos sempre para os três pontos. E este jogo não foge à regra.», afirmou, garantindo que os sadinos conhecem os pontos fortes da equipa de Sérgio Conceição e que estão a trabalhar para anulá-los.

Lançadas as partidas, é tempo de aguardar para assistir ao desenrolar de mais uma jornada da Liga NOS 2017/18, que promete muita emoção e bom futebol. 

Acompanhe tudo aqui, em Vavel Portugal.