Uma espécie em vias de extinção

Uma espécie em vias de extinção

Apesar dos atos de vandalismo dos quais a Academia de Alcochete foi alvo, Jorge Jesus e os seus jogadores aceitaram defender o Sporting na final da Taça de Portugal, diante do Desportivo das Aves. Uma partida que terá lugar em circunstâncias, no mínimo, anômalas.

goncalo-santos
Gonçalo Santos

A época foi longa para os lados de Alvalade. Sobretudo, estas últimas semanas, que ficaram envoltas em polémica depois das reações de Bruno de Carvalho nas redes sociais, das consequentes respostas dos jogadores, e do mais recente ataque ao centro de treinos do Sporting. E mesmo depois de terem sido alvo de violência e ameaças, equipa técnica e atletas leoninos já confirmaram: a equipa estará no Jamor. Inclusive Bas Dost, que foi, muito provavelmente, o mais afetado pelos atos de vandalismo que tiveram lugar em Alcochete.

Num comunicado divulgado nos últimos dias, e assinado pelo plantel verde e branco, os futebolistas do clube fizeram questão de anunciar a sua presença na final da Taça de Portugal. Especialmente, pelo "bom nome de Portugal, pela dignidade das instituições do futebol, pelo respeito pelos seus colegas, pelo Desportivo das Aves e por todos os quantos amam e vivem o futebol", como se pode ler na referida nota.

Naturalmente, chegou a existir a possibilidade de os atletas se recusarem a representar o clube no Estádio Nacional - uma decisão que muitos poderiam entender. Mas não os guerreiros. Afinal, esta espécie, em vias de extinção, caracteriza-se por nunca virar a cara à luta. E, qualidades futebolísticas à parte, os jogadores, assim como todo o corpo técnico do Sporting, mostraram ter um carácter digno de fazer parte dela. Mesmo quando era mais fácil - e compreensível, diga-se - tomar uma decisão totalmente diferente.

A final da Taça de Portugal, essa que deveria ser o foco da semana prévia à festa do Jamor, mas que acabou por ser deixada para segundo plano por culpa da invasão à Academia de Alcochete, até porque fica quase impossível dissociá-la das agressões da última terça-feira, tem início marcado para as 17h15 deste domingo (20).

VAVEL Logo