Rússia 2018: Suíça

A seleção helvética estará no grupo E do Mundial.

Longe de ser candidata à conquista da prova, a Seleção Suíça pode ser considerada, à partida, uma das equipas mais interessantes das que estarão no Mundial'2018.

A turma helvética, comandada por Vladimir Petkovic, carimbou o passaporte para a Rússia depois de eliminar a Irlanda da Norte no play-off de acesso à competição da FIFA. Antes, na fase de grupos, os suíços haviam sido um dos conjuntos mais fortes, mas nem isso bastou para garantirem o acesso direto ao Campeonato do Mundo.

Inserida no grupo B da zona de qualificação, a Suíça acabou por ficar com a segunda posição, com os mesmos 27 pontos da Seleção Portuguesa, líder do grupo. Perdeu apenas um jogo, aos pés, precisamente da 'Equipa das Quinas'.

Entre o elenco suíço que estará em solo russo, destaque para as presenças de nomes sonantes, de jogadores de créditos firmados no futebol internacional. São os casos de Roman Bürki (guarda-redes do Borussia Dortmund), Stephan Lichtsteiner (defesa que acabou de assinar pelo Arsenal, depois de ter terminado a temporada na Juventus), Ricardo Rodríguez (lateral do Milan), Granit Xhaka (médio do Arsenal) ou Xherdan Shaqiri (extremo do Stoke City).

A grande carência desta Seleção, que se prepara para participar no 11º Mundial da sua história, poderá prender-se com a falta de uma referência clara que seja garantia de golos. Breel Embolo e Mario Gavranovic não tiveram épocas propriamente satisfatórias em 2017/18, nem têm um número significativo de golos com as cores do seu país.

E o mesmo pode ser dito a respeito do benfiquista Haris Seferovic, apesar de ser o ponta de lança mais goleador entre os que foram convocados por Petkovic. Josip Drmic, por seu lado, marcou apenas quatro golos nas duas últimas temporadas pelo Borussia Mönchengladbach, embora some 10 tentos em 29 internacionalizações pela Suíça.

No sorteio deste Campeonato do Mundo, calharam em sorte à Suíça, que estará no grupo E, Brasil, Costa Rica e Sérvia. O encontro diante dos 'canarinhos', que está agendado para as 19h de domingo, marcará a estreia da Suíça no Mundial da Rússia.

A expectativa entre os suíços é grande, uma vez que a sua Seleção apresentou-se a bom nível não só durante a qualificação, como também nos jogos particulares de junho, período no qual somou um empate (1-1) com a Espanha, e uma vitória (2-0) sobre ao Japão.

Estes são os convocados da Suíça para o Mundial:

Guarda-redes: Roman Bürki, Gregor Kobel, Yvon Mvogo, Yann Somme;

Defesas: Manuel Akanji, Johan Djourou, Nico Elvedi, Michael Lang, Stephan Lichtsteiner, Jacques-François Moubandje, Ricardo Rodríguez, Fabian Schär, Silvan Widmer;

Médios: Valon Behrami, Blerim Dzemaili, Edmilson Fernandes, Gelson Fernandes, Remo Freuler, Xherdan Shaqiri, Granit Xhaka, Denis Zakaria, Steven Zuber;

Avançados: Josip Drmic, Breel Embolo, Mario Gavranovic, Haris Seferovic.