SAD do Benfica constituída arguida no caso "e-toupeira"
SAD benfiquista constituída arguida no processo "e-toupeira"

SAD do Benfica constituída arguida no caso "e-toupeira"

SAD benfiquista convocada para comparecer no Ministério Público, de acordo com notícia avançada pela SIC

RuiLopes97
Rui Lopes

  Numa notícia avançada pela SIC neste final de tarde de segunda-feira, a SAD do Benfica foi constituída arguida no processo "e-toupeira". Após ser constituída arguida, e uma vez que está em causa uma pessoa coletiva, a SAD benfiquista fez-se representar no Ministério Público por Domingos Soares de Oliveira e Nuno Gaioso Ribeiro.

  O caso "e-toupeira" conta com o assessor jurídico do Benfica, Paulo Gonçalves, constituído arguido, tal como José Silva, que trabalha no Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos de Justiça. Este último, constituído arguido pela juíza Cláudia Pina, ficou em prisão preventiva

  Alegadamente, Paulo Gonçalves terá subornado José Silva e outros funcionários judiciais de forma a conseguir ter acesso a informações de segredo de justiça. Em causa estão crimes de violação do segredo de justiça, burla informática, corrupção e peculato, entre outros.

  O Benfica vai emitir um comunicado oficial ainda esta segunda-feira. 

VAVEL Logo