Resumo Allianz Cup
Foto retirada de famatv.pt

Resumo Allianz Cup

Os três grandes entraram em campo nos últimos três dias para se estrearem na fase de grupos da competição. Na sexta jogou o campeão nacional, o FC Porto, no Sábado o vice-campeão, SL Benfica e este domingo à noite foi a vez do campeão de inverno do ano que passou, o Sporting CP.

ana-gomes
Ana Gomes

O primeiro dos três grandes entrou em campo na passada sexta e não foi para além de um empate em casa, no Estádio do Dragão. Os dragões defrontaram o Desportivo de Chaves num jogo marcado não só pelo empate a um golo, mas também pela expulsão de Sérgio Conceição ao intervalo. O treinador portista protestou, alegadamente, com o árbitro pelo pouco tempo de compensação dado por este, uma vez que, para o técnico, o a partida esteve parada durante muito tempo.

A equipa da casa foi a primeira a marcar por Hernâni. O extremo entrou em campo aos 72' e aos 75' marca o primeiro golo do jogo, levando amarelo a seguir, pois tirou a camisola no festejo. Porém a festa foi adiada e o Chaves arrancou mesmo a vitória aos azuis em brancos. Aos 83', os flavienses, marcaram a Vaná, por Eustáquio. Aboubakar ainda marca aos 95' depois de onze minutos em jogo, mas por ter inserido a bola na baliza do adversário com a mão, o golo foi anulado. O empate foi mesmo o resultado final.

No passado sábado foi a vez do clube da Luz receber o Rio Ave. Os lisboetas levaram a melhor e venceram os vila-condenses por 2-1. O primeiro golo surgiu de uma grande penalidade apontada por Salvio aos 21' depois de falta assinalada sobre Seferovic.

A equipa da casa não se ficou apenas por um golo e aos 50' faz o 2-0 com Rafa a meter na baliza um passe de Toto Salvio. No entanto, passados dez minutos o avançado emprestado pelo Nápoles à equipa do Norte faz o 2-1, tentando relançar a partida, mas sem sucesso e os encarnados conseguiram mesmo os três pontos.

O Sporting foi o último dos três grandes a entrar em campo e venceu os madeirenses do Marítimo por 3-1, em Alvalade. Este que foi o jogo inaugural do Grupo D com o segundo a acontecer esta segunda que põe frente a frente Estoril e Feirense.

O primeiro golo foi marcado por Raphinha aos 26' para depois aos 54' o então capitão no jogo, Bruno Fernandes, devido à ausência de Nani da convocatória, ter aumentado a distância com mais um golo por grande penalidade. Correa ainda tentou reduzir para os insulares aos 61', marcando o golo de honra, mas de nada serviu, pois Fernandes bisou e deitou por terra a esperança dos madeirenses aos 63'.

Neste momento os verdes e brancos estão em primeiro lugar do grupo D, com três pontos, Os portistas estão em terceiro do grupo C com um ponto e os vermelhos também com três pontos em primeiro lugar do grupo A.

VAVEL Logo