Roma agarra a vitória
Roma vs FC Porto Fonte: O jogo

Roma agarra a vitória

Depois de ser considerado a melhor equipa na fase de grupos, o FC Porto voltou a entrar em campo para a Champions League num duelo contra a Roma.

joanacoelho
Joana Coelho

Com Fernando Andrade a ser a grande surpresa no onze portista, o FC Porto deslocou-se a Roma, no primeiro jogo dos oitavos de final da Champions League. Um jogo que não começou sem antes se cumprir um minuto de silêncio em memória do jogador Emiliano Sala.

Com um jogo equilibrado para as duas equipas, foi a equipa da casa que começou a dar os primeiros sinais de perigo. Logo aos 7 minutos Kolarov cruzou rasteiro, mas Casillas agarrou. Florentini quis tentar a sua sorte a cruzar de primeira, porém Militão estava atento e conseguiu cortar.

Aos 18 minutos foi a vez do FC Porto mostrar que também estava atento ao jogo e Otávio corria com a esperança de inaugurar o marcador, mas à entrada da área acaba por perder a bola.

Numa altura em que a equipa visitante conseguia pressionar e não deixar a Roma sair para jogar, Zaniolo em luta pela posse de bola, cabeceia a bola contra a mão de Pepe, jogada que o árbitro não considerou infração. 

Ao entrar na primeira meia hora de jogo, Kolarov volta a tentar a sua sorte com um fantástico cruzamento, Casillas estava atento e defendeu. Na recarga Cristante fez o que pode, mas o guardião dos azuis e brancos agarrou.

Otávio, no contra ataque, acaba por fazer um passe fantástico para Fernando Andrade que remata mesmo à baliza, porém a bola acaba nas mãos de Mirante. 

Aos 37 minutos os portistas tiveram um momento de tensão, ao verem Dzeko rematar ao poste da baliza de Casillas, depois de ter conseguido o domínio de bola. 

Nos instantes finais da primeira parte, El Shaarawy saí disparado em direção à área, mas Militão consegue o corte. A partida chegava assim ao intervalo ainda com o resultado nulo.

As duas equipas regressaram à partida com ânsia de inaugurar o marcador, fazendo vários remates à baliza. O primeiro surgiu logo aos 46 minutos por Alex Telles, com Mirante a defender. Aos 58 minutos o mesmo defesa portista faz um cruzamento fantástico de canto e Danilo cabeceia, porém a bola passa muito rente do poste e acaba por sair.

O FC Porto foi sempre mantendo o seu jogo, conseguindo pressionar e estar mais tranquilo, numa altura em que a intranquilidade começava a fazer-se sentir na Roma.

Aos 67 minutos Cristante consegue uma excelente recuperação de bola, passa de calcanhar para dentro da área e Pellegrini remata forte, para uma grande defesa de Casillas. Brahimi acaba por se lesionar sozinho no tornozelo, numa luta pela bola, e é mesmo substituído por Adrián López.

Mas nem tudo o que parece é. A Roma acaba por conseguir a vantagem aos 70 minutos. 1-0 por Zaniolo. Dzeko joga para Zaniolo que passa por toda a defesa portista e remata para o fundo das redes. Zaniolo bisa na partida e aumenta a vantagem para 2-0. Dzenko remata ao poste e na recarga Zaniolo remata para o golo. 

Aos 79' minutos Adrián Lópes reduz. 2-1 para o FC Porto. Soares falha o remate e Adrián remata para o golo.

A partida termina com a vitória da Roma por 2-1 numa altura em que a equipa da casa mostrava o seu desgaste e o FC Porto tentava empatar a partida.

VAVEL Logo