Barcelona nas meias de final

Barcelona nas meias de final

FC Barcelona e Manchester United voltarem a medir forças para a segunda eliminatória da Champions League. A equipa da casa venceu por 3-0 (4-0 no total).

joanacoelho
Joana Coelho

Foi com a esperança de quebrar a "maldição" dos últimos três anos e conseguir passar à próxima fase, que o Barcelona entrou em campo. Porém, os primeiros minutos da partida foram claramente do Manchester United. A equipa inglesa entrou, desde cedo, a fazer lances perigosos e a pressionar o adversário. E logo no primeiro minuto da partida, Rashford recebeu a bola pelas costas da defesa do Barça, mas acabou por mandar ao poste. 

Aos 11' surgiu o primeiro lance polémico do jogo. Fred derruba Rakitic na área e o árbitro assinala grande penalidade. Porém, depois de ouvir indicações do VAR e de ir ver as imagens, recua na sua decisão. Não há qualquer falta, pois Fred toca primeiro na bola e depois é o próprio Rakitic que toca em Fred. O jogo seguia e o United fez um contra-ataque em modo de resposta. Rasford conseguiu conduzir sempre a bola de forma perfeita e, à entrada da área, remata forte, mas o guardião alemão estava atento e conseguiu a defesa.

O Barcelona queria alcançar a próxima fase e Messi fez por isso. Ao bater dos primeiros quinze minutos de jogo, surge o primeiro golo da equipa da casa. Depois de recuperar a bola de Young, Messi remata ainda de fora da área e marca, sem qualquer hipótese de defesa para De Gea.

E não satisfeito com apenas um golo, em apenas quatro minutos, Messi faz o segundo golo da partida. Aos 20' minutos a equipa inglesa vê a sua vida cada vez mais dificultada. De novo, Messi faz uma grande recuperação de bola e, mais uma vez de fora da área, remata forte. De Gea parecia ter tudo controlado, mas na hora da verdade, as coisas não lhe saíram como desejado e deixa a bola passar por baixo do seu corpo. 2-0 para o Barcelona, numa altura em que manter o ritmo de jogo intenso para o Manchester United era cada vez mais difícil. 

Aos 38' Podga faz um remate bomba de fora da área, mas Ter Stenger tinha tudo controlado e consegue a defesa sem qualquer problema. Dois minutos depois, com uma grande jogada pela esquerda, O United consegue chegar à área, mas Lenglet aparece no momento certo e faz o corte.

Já nos minutos de compensação, De Gea, numa espécie de pedido de desculpas pelo erro no segundo golo dos catalães, mantém as esperanças da sua equipa. Messi consegue fazer uma excelente jogada, deixa para trás Jones e dá a bola a Alba. O defesa, por sua vez, devolve a bola a Sergi Roberto que apenas tinha de encostar para o golo, mas De Gea faz uma grande defesa.

A segunda parte começou e a vontade de fazer o terceiro golo mostrou-se logo. Suárez cruza para a área, onde apareceu Messi, que fez o remate de primeira. Mas a bola desviou em Young e quase traiu De Gea. O hat-trick de Messi foi assim negado. 

Aos 57' Messi consegue desmarcar Coutinho e ia mesmo dar-lhe a bola, mas Lindelof faz um trabalho excelente e consegue o corte na hora certa.

Uma segunda parte em que a pressão do Barcelona era cada vez mais notória e o terceiro golo da noite acaba mesmo por surgir. Messi faz um passe fantástico para Jordi Alba, que deixa para Coutinho que rematou forte, de fora da área, para dentro das redes.

Pouco tempo depois, Messi ainda faz um pontapé de bicicleta, mas a bola passa muito perto do poste.

A partir do terceiro golo, o Barcelona diminuiu a intensidade com que jogava, para conseguir segurar o resultado. Só aos 89' é que voltou a surgiu um lance de perigo com Suárez a tentar picar a bola por cima de De Gea, mas acaba por sair por cima da baliza.

Antes do apito final, Dalot fez ainda um cruzamento para Alexis Sanchéz que cabeceou para uma grande defesa de Ter Stenger.

O jogo terminou com o Barcelona a vencer por 3-0 (4-0 no total das eliminatórias) e fica assim à espera de conhecer o seu adversário para as meias de final.

VAVEL Logo