Mercado da Luz

Como vencedores deste ano do campeonato, o SL Benfica corre mais risco de ver o seu plantel alterado graças às boas exibições dos seus jogadores. 

O clube da Luz já se chegou à frente por Samaris esta semana e a ele devem-se juntar mais jogadores, entre eles André Almeida, Pizzi, João Félix, Gedson Fernandes, Rúben Dias e Ferro. Só neste lote encontram-se os melhores ao serviço dos encarnados.

André Almeida é cobiçado por Nuno Espírito Santo e Marco Silva em Inglaterra e esta será a única forma de manter o internacional português no plantel na próxima temporada. João Félix já está na mira de alguns gigantes da Europa que estão dispostos a fazer ofertas pelo jovem. Quanto a Rúben Dias, o The Sun adianta que  o Manchester United estará disposto a oferecer os 60 milhões da cláusula para ter o central na sua equipa.

De saída poderá estar Fejsa rumo ao Fenerbahçe. O sérvio tem contrato até 2021 e uma cláusula de 35 milhões. Os turcos não estão interessados em pagar o valor do contrato, mas poderá oferecer cerca de 3 milhões ao clube lisboeta.

Com acordo verbal está Tarabaat. O turco que está no Benfica desde 2015 esteve afastado das competições nacionais por ordem disciplinar e poderá estar prestes a renovar por mais dois anos após o regresso pela mão de Bruno Lage.

Com o futuro incerto mantém-se Carrillo. O ex-jogador do Sporting está emprestado ao Al Hilal e tem o afversário Al-Nassr de Rui Vitória, como potencial interessado. A cláusula do peruano está fixada nos 15 milhões.

De chegada poderá estar o guarda-redes Cillessen do FC Barcelona. Segundo avança o jornal A Bola, apenas falta a confirmação do clube catalão para que se faça negócio. Os números começaram nos 25 milhões, valor que os vermelhos e brancos logo declinaram. Neste momento rondam entre os 6,5 e os 8,5 milhões. 

De regresso poderá estar Ramires, conforme se vai avançando desde o mercado de inverno. O brasileiro encontra-se na China ao servilo do Jiangsu Suning e aguardava pela rescisão de contrato para poder decidir o futuro que, ao que tudo indica, poderá passar pelo regresso ao campeonato português. 

 

VAVEL Logo