Vitória pesada do Benfica

Vitória pesada do Benfica

O Benfica inaugurou com um vitória pesada a época 2019/2020, ao vencer o Paços de Ferreira por 5-0.

joanacoelho
Joana Coelho

O Benfica entrou em campo com o Paços de Ferreira bastante moralizado, depois de ter vencido a supertaça ao rival Sporting por 5-0.

E a verdade é que a força da equipa cedo se fez sentir, com o primeiro golo logo aos 26'. Nuno Tavares fez um golaço em arco, ainda de fora da área, sem dar qualquer hipótese a Ricardo Ribeiro para a defesa.

A distância mínima não durou muito, e após a primeira meia hora de jogo, o árbitro da partida entendeu que Bruno Santos tocou com a mão na bola e assinalou penalti a favor do Benfica. Pizzi não desperdiçou e enganou o redes do Paços, que se atirou para o lado contrário da bola. Estava, assim, feito o segundo golo da noite.

Aos 40' o Paços de Ferreira ainda festejou um golo, de Tanque, mas acabou por ser invalidado por posição irregular. Antes do intervalo, Bruno Santos ainda tentou reduzir a vantagem encarnada, mas a bola saiu por cima.

O Benfica entrou na segunda parte com a mesma garra e foi-se mostrando sempre superior. Aos 51' De Tomás rematou, viu a bola a ser desviada em Baixinho, mas a sair para canto. Em consequência disso, Samaris, recuperou a bola, ficou isolado e tentou o golo, mas Ricardo Ribeiro estava atento e defendeu. Seferovic apareceu no jogo e, depois de receber a bola de um passe espetacular de Pizzi, atirou, mas não acertou na baliza.

Aos 65' o Paços de Ferreira ficou reduzido a dez, depois de Bernardo ter visto o segundo cartão amarelo. A equipa sentiu essa perda e, cinco minutos mais tarde, o Benfica faz o terceiro golo da noite. Seferovic já tinha ameaçado e desta vez acertou em cheio. Chiquinho cruzou para o Suíço que viu o seu trabalho facilitado e apenas teve de encostar para o 3-0.

Mas a vontade de dar aos seus adeptos uma vitória pesada era grande e Pizzi fez o estádio saltar de alegria outra vez. Fez o quarto golo da noite com a ajuda de Chiquinho e Nuno Tavares. 

A noite só terminou com o quinto golo da equipa encarnada. Desta vez por Carlos Vinicíus e, de novo, com a assistência de Nuno Tavares.

VAVEL Logo