Bauru supera adversidades diante de Franca com apoio da torcida e avança às semifinais do NBB
(Foto: Henrique Costa/Bauru Basket)

Na noite desta terça-feira (05), Paschoalotto/Bauru Franca se enfrentaram no Ginásio Panela de Pressão, na cidade de Bauru, em partida válida pelo jogo 5 das quartas de final do NBB.

Com parciais de 17x21, 21x15, 23X16 e 17 a 20, a equipe de Bauru venceu por 78 a 72 e fechou a série em 3 a 2. Agora os bauruenses enfrentam a equipe de Mogi nas semifinais do NBB.

A partida começou bem nervosa e a primeira cesta demorou a acontecer. Quando ocorreu, melhor para Franca que saiu na frente com dois pontos de Lucas Mariano, mas, logo na seqüência, Alex Garcia converteu uma bola de três e uma de dois pontos, sendo a última em um contra-ataque puxado por Robert Day, 5 a 2.

Faltando 5 minutos para o final do período, ocorreu um lance inusitado. Léo Mendl arremessou da linha dos três pontos e a bola bateu no aro e saiu, porém, Robert Day, na tentativa de ficar com a posse de bola, colocou contra a sua própria cesta.

O período seguiu equilibrado até o seu final, mas, com o nervosismo dos donos da casa, a equipe de Franca abriu uma pequena vantagem e fechou o quarto na frente, 17 a 21.

O segundo período começou como um reflexo do primeiro, com a equipe de Bauru muito nervosa e desperdiçando os seus ataques. Melhor para Franca, que abriu nove pontos de diferença 19 a 28. Com a má atuação de sua equipe, o treinador Guerrinha pediu tempo técnico e deu certo. Na volta à quadra, Bauru veio com outra postura e, incendiados pela torcida, empatou a partida, 31 a 31.

O nervosismo mudou de lado, e os visitantes passaram a desperdiçar as suas jogadas de ataque. Melhor para Bauru, que equilibrou de vez a partida e de quebra abriu uma leve vantagem, levando para os vestiários uma diferença de dois pontos, 38 a 36.

A equipe de Bauru voltou melhor do intervalo, porém, Franca respondia a altura com Antonio. Foi ai que Alex começou a aparecer e com ele a Panela de Pressão foi à loucura. O experiente jogador passou a comandar a equipe que abriu uma boa vantagem, 59 a 49. Os minutos finais do período foram de bastante nervosismo, mas os donos da casa mantiveram uma boa vantagem, 61 a 52.

 No último quarto Franca veio para o tudo ou nada, e contou com boa atuação de Mata para diminuir a desvantagem, 63 a 60.  Faltando 5:03 minutos para o encerramento, a partida teve que ser interrompida, pois o placar eletrônico apresentou um problema na contagem dos pontos.

Com tudo normalizado, a partida se reiniciou quente, com ambas as equipes ligadas em cada jogada. Mata seguia comandando a equipe visitante e Rafael Hettsheimeir chamou a responsabilidade pelos donos da casa, 75 a 70.

Os comandados de Lula Ferreira foram guerreiros e lutaram até o fim, mas a vitória foi mesmo dos donos da casa, que fecharam o jogo em 78 a 72 e estão classificados para as semifinais.

VAVEL Logo