San Martin Corrientes vence Franca Basquete e elimina brasileiros na Liga Sul-Americana
San Martin Corrientes vence Franca Basquete e elimina brasileiros na Liga Sul-Americana. Foto: Divulgação/FIBA Americas

Em Barquesimeto(Venezuela), San Martin Corrientes e Franca se enfrentraram na segunda rodada semifinal pela Liga Sul-Americana de Basquete nesta quarta (18) e os argentinos venceram por 96 a 77, conquistando o segundo triunfo em duas partidas equanto Franca foi derrotada pela segunda vez em dois jogos.

Por perder as duas partidas disputadas no quadrangular semifinal, Franca Basquete acabou eliminada antes do jogo final que seria contra o Mogi das Cruzes/Helbor nesta quinta-feira. O San Martin Corrientes enfrentará os locais, Guaros de Lara para confirmar o primeiro lugar do grupo, e a classificação.

Na abertura do jogo, Franca fez a primeira cesta mas ficou atrás em todo o placar durante o os minutos que se passaram no período inicial. Wood e Gerlero começaram atuando bem e e Franca já mostrava deficiências defensivas no garrafão dando cestas fáceis ao adversário. A parcial final foi 23 a 18 em favor do San Martin Corrientes.

Para começar o segundo quarto as equipes estiveram em ritmo tranquilo, mantendo a vantagem de pontos sempre em duas posses de bola, ao menos. A equipe francana errava bastante no ataque, girava pouco a bola e dava oportunidades ao Corrientes nos contra-ataques e na área pintada.

Na metade do período após cesta de x a vantagem foi a 11 pontos, 34 a 23. Ainda na sequencia, Giorgiev pontuou com tranquilidade no garrafão francano aumentando para 14 pontos a Liderança argentina, e fazendo com que Lula Ferreira parasse a partida. O único suspiro de Franca foi quando Nezinho acertou chute de fora nos segundos finais.

No embalo da arrancada nos minutos finais antes do intervalo, Franca até voltou bem anotando 20 a 4 em corrida consistente, chegando próximo ao marcador com defesa melhor mas ainda precipitando alguns arremessos. Quando Corrientes voltou a defender bem, arrancou 19 a 4 na corrida final e deixou 21 pontos de vantagem para a equipe brasileira correr atrás.

Colocando 23 pontos de vantagem, 76 a 53 tão logo começou o quarto final, San Martin de Corrientes se soltou na partida deixando Franca tocar o jogo à sua maneira, e os brasileiros não tinham sucesso em buscar o placar pois forçavam chutes de 3 pontos e tomavam pontos no outro lado da quadra.

VAVEL Logo