Em jogo emocionante, Dawkins dita triunfo do Vitória sobre o Minas em Belo Horizonte
Foto: Divulgação / Minas

Na noite desta sexta-feira (3), o Vitória venceu o Minas por 82 a 78, em Belo Horizonte. A equipe baiana teve grande atuação ofensiva, principalmente no coletivo, favorecendo o jogo do armador Kenny Dawkins. Com o triunfo, o rubro-negro baiano continua na luta pelo G-4 do NBB, enquanto o Minas busca melhor colocação e mais estabilidade para se firmar no G-12.

O Minas vinha de um resultado negativo em casa, diante da equipe do Basquete Cearense, em partida realizada na última quarta-feira (1). Já a equipe baiana veio de um grande triunfo diante do Brasília, na capital federal, também na quarta-feira (1).

O Minas briga pelo chamado G-12, grupo que define os classificados para a próxima fase do torneio. Já o Vitória briga pelo G-4, grupo que define os 4 melhores da competição e que se classificam diretamente para a fase de quartas-de-final.

As duas equipes terão tempo para se recuperar dos embates da semana e de se prepararem para os próximos confrontos. O Minas volta a ativa na terça-feira (14), quando recebe a Liga Sorocabana. Já o Vitória retornará na quinta-feira (16), quando enfrenta o Vasco da Gama, em casa.

Vitória domina Minas na primeira parte da partida com ótima atuação coletiva e boa distribuição de Dawkins

O primeiro quarto de partida na capital mineira foi disputado, mas o mau rendimento da equipe mandante no ataque fez com que a equipe do Vitória saísse com vantagem do período. Além disso, Kenny Dawkins, o terceiro melhor jogador em média de assistências na NBB, começou bem o jogo com quatro assistências, ajudando o Vitória a sair à frente por 22 a 14.

O período seguinte foi melhor para a equipe baiana. Com melhor atuação ofensiva, o rubro-negro conseguiu aumentar sua vantagem na partida, contando com uma grande atuação coletiva, chegando a ter cinco jogadores com mais de 6 pontos na partida. Já pelo lado do Minas, Paulinho elevou a pontuação da equipe, mesmo assim a partida foi para o intervalo com vantagem de 48 a 31 para o Vitória.

Minas reage, mas Vitória segura vantagem e sai vencedor na Arena Minas Tênis Clube

O Minas voltou para a segunda metade da partida sendo mais eficiente, tanto no ataque quanto na defesa. Com boa continuidade de Paulinho e a boa atuação de Maynard, a equipe mandante venceu o quarto por 25 a 14 e foi para o período final em uma desvantagem menor no placar, estando 62 a 56 para a equipe do Vitória.

O último quarto continuou equilibrado com o Minas correndo atrás do placar e sendo eficiente no ataque, além de melhorar seu jogo defensivo. Porém, o Vitória conseguiu se impor defensivamente e, com as bolas decisivas de Kenny Dawkins no fim, segurou o placar favorável, vencendo a partida por 82 a 78.

Coimbra destaca ímpeto defensivo do rubro-negro, enquanto Mosso exalta força de vontade do time mineiro

"A gente vem crescendo ao longo do campeonato, marcando bem, mas acho que é um trabalho em equipe. Temos a melhor defesa da liga, isso nos fortalece, além do ataque fluir devagar, dia após dia estamos nos conhecendo e isso é uma questão de química para uma equipe praticamente nova. Mas o campeonato é assim, todo dia uma batalha, uma guerra, nosso time está sentindo a falta do nosso pivô Douglas, que se machucou no último jogo, mas é superação. A comissão nos passa muitas informações, fisioterapeuta trabalha bem pras partidas, e agora é assim, a gente vai evoluir e buscar se consolidar no G-4", disse o pivô Coimbra, do Vitória. Já o capitão do Minas, Mosso, destacou a forma da equipe se portar diante dos resultados negativos da semana e mira o jogo contra a Liga Sorocabana: "O próximo jogo é de extrema importância pra gente, nessa semana foram duas derrotas em que batalhamos muito, a gente não estava esperando, começamos hoje muito mal o primeiro quarto e nçao conseguimos virar o jogo, mas a equipe está de parabéns pela vontade e dedidcação. Temos muito a crescer, é um time novo, não só a equipe como a diretoria e comissão, acho que estamos de parabéns pelo esforço demonstrado, não faltou vontade de nenhum dos jogadores".

Destaques do jogo

Minas

Paulinho: 24 pontos, 1 rebote e 6 assistências

Drew Maynard: 17 pontos, 5 rebotes e duas assistências

Mosso: 11 pontos, 12 rebotes e 3 assistências

Vitória

Kenny Dawkins: 19 pontos, 2 rebote e 7 assistências

Coimbra: 10 pontos, 7 rebotes e 4 assistências

Arthur: 13 pontos, 5 rebotes e duas assistências

Outros resultados da rodada

Brasília 88 x 52 Basquete Cearense

VAVEL Logo