Muito criticado na Argentina, Romero completa cinco jogos sem levar gol

Muito criticado por ser reserva do Mônaco, o goleiro Sergio Romero completou contra a Eslovênia, neste sábado (07), o quinto jogo consecutivo sem levar gols com a Argentina.

Depois da vitória por 2 a 0 em La Plata, Romero deixou claro que a falta de ritmo de jogo não vai atrapalhá-lo na Copa do Mundo, e, além disso, ressaltou que sempre jogou bem pela Argentina.

“Não me atrapalha em nada não ter jogado muito nesta temporada. Sempre rendi na Seleção e estou com as melhores expectativas acerca do Mundial”, afirmou.

Mesmo sem ter sido muito exigido, Chiquito, como é conhecido, demonstrou segurança na partida contra a Eslovênia e está confirmado como titular na estreia contra a Bósnia, no dia 15 de junho.

“Senti-me confortável nessas partidas, é certo que não fui muito exigido, mas é sempre bom somar minutos nos jogos. É difícil dizer se esses amistosos servem ou não, mas para nós é sempre bom jogar e estar juntos para consolidar que o importante é o que está pela frente”, concluiu.

Os argentinos esperavam que Alejandro Sabella convocasse o goleiro Willy Caballero, que fez grande temporada com o Málaga, da Espanha, mas o treinador escolheu Romero, além de Mariano Andújar, do Catania, da Itália, e Agustín Orión, do Boca Juniors.

Romero tem 27 anos e foi titular da Argentina na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, quando levou seis gols em cinco jogos. Nesta temporada pelo Mônaco, da França, atuou em apenas nove jogos.

VAVEL Logo