Artilheiro da Copa de 90, Schillaci pede Immobile entre os titulares da Itália

O artilheiro máximo da Copa do Mundo de 1990, disputada na Itália, foi o atacante Salvatore Schillaci, com seis gols. Agora, 24 anos depois, o ex-jogador acredita que o trunfo da Squadra Azzurra pode ser um jogador que, assim como ele em 90, começou no banco de reservas: Ciro Immobile.

O atual camisa 17 da Itália foi o artilheiro da última Serie A, marcando 22 gols pelo Torino, e é um dos atuais xodós da torcida italiana. Aos 24 anos, Immobile disputa sua primeira Copa do Mundo, e é uma das principais dores de cabeça do técnico da Azzurra, Cesare Prandelli.

Ao marcar três gols e dar duas assistências no amistoso do último domingo, contra o Fluminense, Immobile colocou uma dúvida na cabeça do treinador, que vê seu atacante titular, Mario Balotelli, viver uma irregular fase na carreira.

Para 'Totò' Schillaci, o atacante do Borussia Dortmund pode ser o grande nome da Azzurra na Copa do Mundo do Brasil. "Há condições ideais para Immobile ser o trunfo do Prandelli. Ele jogou e marcou muito nessa temporada, ele está em excelente forma e tem grande entusiasmo, do mesmo jeito que eu tinha em 1990", disse, ao diário italiano Corriere dello Sport.

LEIA MAIS: Prandelli descarta dupla entre Balotelli e Immobile na Azzurra

Na segunda-feira, Schillaci foi usado por Prandelli como comparativo com o próprio Immobile. Em 1990, o então atacante da Juventus começou o mundial no banco de reservas, mas entrou no primeiro jogo e marcou o gol da vitória contra a Áustria. Permaneceu no banco contar os Estados Unidos mas, a partir do terceiro jogo, disputado contra a Tchecoslováquia, passou a ser titular -- e marcou em todas as partidas em diante.

No fim, Totò terminou a competição com seis gols, e a Itália foi a terceira colocada da Copa vencida pela Alemanha Ocidental. Tal qual Schillaci, Immobile deve começar a Copa no banco. "Fiz uma comparação com Schillaci porque em 1990 ele era considerado por todos como o quinto atacante, mas acabou se tornando o artilheiro", disse Prandelli em sua entrevista coletiva na quinta-feira.

"Ele (Immobile) é rápido, tem visão de gol como poucos e não tem as atenções voltadas para ele. Se pode começar no lugar de Balotelli? Há somente alguns jogadores no time garantidos como titulares, tais como Pirlo e Buffon", afirmou Schilacci.

Schilacci comemora seu quinto gol na Copa de 1990, contra a Argentina (Foto: Bob Thomas/Getty Images)
VAVEL Logo