Balotelli: "Voltar à Itália foi um erro"
Jogador já foi apresentado pelo novo clube (Foto: John Powell/Liverpool FC)

Mario Balotelli nem bem chegou a Anfield Road e já causou polêmica -- como era de se esperar. Dessa vez, o comentário atingiu o ex-clube do jogador, o Milan. Em entrevista, o novo atacante do Liverpool declarou que foi um erro deixar a Premier League para disputar novamente a Serie A, como fez em 2012.

Antes de chegar ao Eitthad Stadium para acompanhar o revés do novo time frente ao Manchester City, seu também ex-clube, Balotelli até elogiou o time de Milão,  mas fez questão de declarar seu apreço pelo futebol inglês. "Estou feliz em estar de volta, porque deixar a Inglaterra foi um erro. Eu queria ir para a Itália sim, mas depois reconheci que foi mesmo um erro. Geralmente o futebol inglês é melhor, o futebol inglês é lindo", declarou o atacante.

Balotelli chega ao Liverpool por 20 milhões de euros, e será o substituto de Luis Suárez, negociado com o Barcelona. Com a habitual camisa 45, o atacante terá que se comportar: o contrato com os Reds estipulam corte no salário caso o jogador seja protagonista de polêmicas.

Questionado sobre o desafio de voltar à Premier League, Balotelli disse que o principal objetivo é conquistar a Uefa Champions League. "Eu sempre entro em uma competição querendo ganhá-la, e quero conquistar mais uma Champions League, é claro. Aquela Champions [conquistada em 2010, pela Internazionale] não foi inteiramente minha", disse o jogador, que se disse surpreso com o apoio que recebeu dos torcedores do novo clube. "Eu não esperava, porque sempre joguei contra o Liverpool. E sempre que jogava contra, os torcedores não eram muito simpáticos comigo. Mas isso é normal, é futebol. Agora que jogo pelo Liverpool, posos sentir a expectativa das pessoas. Elas estão felizes, e isso me deixa feliz ao mesmo tempo", completou o centroavante, em entrevista ao site oficial do clube.

Agora pelo Liverpool, Balotelli está de volta à Premier League, aonde atuou três temporada pelo Manchester City -- com 20 gols marcados em 54 jogos. Antes, o polêmico atacante havia iniciado a carreira pela Internazionale, a voltou para a Itália no início do ano passado, para defender o Milan e marcar 30 tentos em 54 partidas disputadas.

VAVEL Logo