Após 11 temporadas, Kompany deixa Manchester City: "Jamais esquecerei" 
Foto: Reprodução/ Manchester City

Após 11 temporadas, Kompany deixa Manchester City: "Jamais esquecerei" 

O zagueiro belga retornará ao Anderlecht, time que o formou. O jogador assinou por três temporadas

dbluis
Luís Adolfo Barbosa

O zagueiro Vincent Kompany deixará o Manchester City, seu destino é o Anderlecht, clube que o formou e onde deu seus primeiros passos como jogador profissional. O vínculo com a equipe de  Bruxelas será de três temporadas, no qual, irá exercer a função de jogador-técnico.

Pelo clube inglês foram 12 títulos em 11 temporadas, 359 partidas e 20 gols, dos quais 2 foram se destacam pela importância em títulos do time. Em 2012 contra o Manchester United, quando o time corria atrás do rival e precisava da vitória para seguir vivo, e recentemente contra o Leicester, gol que deixou o City na liderança faltando uma rodada para o fim da Premier League.

O presidente dos Citizens, Khaldoon Al Mubarak, realçou que o defensor sempre vai fazer parte da família e que ele representa essência da equipe do noroeste da Inglaterra.

"Ele define a essência do clube. Por uma década, ele tem sido a alma, o coração pulsante de um elenco extremamente talentoso. Uma voz no vestiário, embora seja um homem quieto e moderado fora dele. Vincent pode se sentir orgulhoso de si mesmo assim como nos sentimos em relação a ele. Ele sempre será parte da família Manchester City".

Kompany escreveu um texto em suas redes sociais e agradeceu a todos os envolvidos.

"Por mais impressionante que seja, chegou a hora de eu ir. E que temporada para despedir-me. Eu não sinto nada além de gratidão. Sou grato a todos aqueles que me apoiaram em uma jornada especial, em um clube muito especial. Eu me lembro do primeiro dia, tão claro quanto eu vejo o último. Eu me lembro da generosidade sem limites que recebi do pessoas de Manchester. Jamais esquecerei como todos os torcedores do Man City permaneceram fiéis a mim nos bons e nos momentos especialmente ruins. Contra todas as probabilidades, vocês sempre me apoiaram e me inspiraram a nunca desistir. O sheik Mansour mudou minha vida e a de todos os fãs da cidade ao redor do mundo, por isso sou eternamente grato. Uma nação azul surgiu e desafiou a ordem estabelecida das coisas, acho isso incrível. Eu aprecio o conselho e a liderança de um bom ser humano, Khaldoon Al Mubarak. O Manchester City não poderia estar em melhores mãos".

VAVEL Logo