Messi decide, Barcelona vence Alavés de virada e se mantém invicto na Liga

Barça teve dificuldades, mas conseguiu a virada no final do segundo tempo e manteve a invencibilidade

Messi decide, Barcelona vence Alavés de virada e se mantém invicto na Liga
Foto: David Ramos/Getty Images
Barcelona
2 1
Alavés
Barcelona: Ter Stegen; Semedo (Sergi Roberto, min. 51'), Piqué, Umtiti e Digne (Jordi Alba, min. 51'); Paulinho, Rakitic, Iniesta e Coutinho (Paco Alcácer, min. 65'); Messi e Suárez. Técnico: Ernesto Valverde.
Alavés: Pacheco; Alexis, Maripán, Laguardia e Rubén Duarte (Demirovic, min. 89'); Medrán, Wakaso, Hernan Pérez (Pedraza, min. 62') e Ibai Gómez; Guidetti (Munir, min. 74') e Sobrino. Técnico: Abelardo Fernández.
Placar: 0-1, min. 22', Guidetti. 1-1, min. 71', Suárez. 2-1, min. 83', Messi.
INCIDENCIAS: 21ª rodada do Campeonato Espanhol. Partida realizada no estádio Camp Nou, em Barcelona, na Espanha.

Foi difícil, mas o Barcelona conseguiu vencer o Alavés de virada, na tarde deste domingo (28), por 2 a 1, no Camp Nou. Com gols de Suárez e Messi, o Barça manteve a invencibilidade no Campeonato Espanhol e continua líder isolado - dez pontos de vantagem para o vice-líder. Guidetti marcou o gol dos visitantes, que seguraram a liderança do placar por 67 minutos. 

Coutinho ficou em campo por 65 minutos, mas não conseguiu render bem jogando pelo lado direito, posição diferente em que atuava pelo Liverpool e na Seleção Brasileira. Sem o apoio de Semedo, tentou criar tabelas com Messi e Suárez caindo pelo meio, mas a atuação foi bem apagada. 

Foto: David Ramos/Getty Images
Foto: David Ramos/Getty Images

O Barcelona volta a campo na quinta-feira para enfrentar o Valencia pela Copa do Rei, às 18h30 (de Brasília), novamente no Camp Nou. Pelo Campeonato Espanhol, o próximo compromisso é contra o Espanyol no domingo, fora de casa. O Alavés, por sua vez, encara o Celta no sábado.

Alavés surpreende e sai na frente

O Barcelona teve dificuldades e foi surpreendido no primeiro tempo. Valverde optou por escalar os dois laterais reservas e colocou Coutinho de titular pela primeira vez, porém, escalou o brasileiro na direita, posição diferente em que costumava atuar no Liverpool e na Seleção Brasileira. Com isso, o jogador pouco produziu durante o primeiro tempo. 

Apesar das dificuldades, foi o Barça quem começou pressionando. Logo aos três minutos, Suárez recebeu na direita e cruzou rasteiro para Messi, mas exagerou na força e o argentino não chegou na bola. Três minutos depois, Digne aproveitou a bobeira do Alavés na saída, roubou a bola e chutou cruzado, tirando tinta da trave esquerda do goleiro Pacheco. 

O Alavés começou a levar perigo aos 15 minutos. Com proposta de contra-ataque, deu o primeiro susto no contragolpe quando Ibai Gómez foi lançado e entrou de frente para o goleiro Ter Stegen, que por sua vez fechou bem o ângulo e salvou o Barcelona. Porém, o goleiro nada pôde fazer aos 22 minutos quando Guidetti foi lançado após Messi perder a bola no campo de ataque, entrou livre na área e finalizou no canto esquerdo para abrir o placar no Camp Nou. 

Foto: Getty Images/David Ramos
Foto: Getty Images/David Ramos

Mesmo atrás no placar, o Barça manteve a postura de rodar a bola próximo a área do adversário em busca do gol de empate e a partida ficou lá e cá. Aos 28, Iniesta tabelou pela esquerda e bateu colocado da entrada da grande área, mas mandou por cima. Dois minutos depois, o Alavés respondeu em contra-ataque com Sobrino, que escapou da marcação de Umtiti, entrou na área e chutou cruzado, mas pegou torto na bola e facilitou a defesa de Ter Stegen. Um minuto depois, foi a vez do Barcelona quase empatar em chute de Coutinho, mas por sorte do Alavés a bola desviou e saiu pelo canto. 

No final do primeiro tempo, Messi obrigou o goleiro Pacheco a fazer duas grandes defesas em cobrança de falta. Na primeira, aos 34, o argentino bateu direto para o gol a falta pelo lado direito. Na segunda delas, um pouco mais afastado da área e pelo centro, fez o goleiro se esticar todo e buscar no canto, evitando o empate antes do intervalo.

Messi marca no fim e Barça vence de virada

O Barcelona voltou para o segundo tempo com mudanças nas duas laterais. A entrada de Jordi Alba deixou a equipe mais forte pela esquerda. Aos 19 minutos, o lateral-esquerdo foi acionado, foi ao fundo e cruzou para Suárez. O uruguaio serviu Paulinho, que chegou finalizando por trás, mas o goleiro Pacheco defendeu. Três minutos depois foi a vez o goleiro salvar o Alavés com os pés em finalização de Suárez, que recebeu passe de Messi. 

O goleiro do Alavés voltou a ser protagonista aos 24 minutos. Após bate e rebate na área, Paulinho recebeu de Piqué, tentou finalizar duas vezes e Pacheco salvou. Em uma delas, salvou de cabeça. Porém, dois minutos depois Iniesta fez grande jogada pela esquerda, levantou na área e Suárez finalizou de primeira, sem chances para o goleiro. 

Foto: David Ramos/Getty Images

Após empatar, o Barça seguiu buscando o gol de virada. Messi quase marcou aos 28 minutos em cobrança de falta, mas Pacheco defendeu. Porém, dez minutos depois, o argentino bateu falta com perfeição, sem chance para o goleiro do Alavés. Virada no Camp Nou. 

Atrás no placar, o Alavés tentou correr atrás do empate. Aos 42 minutos, o lance mais polêmico do jogo. Sobrino finalizou forte dentro da área e Umtiti, com o braço, acabou desviando a bola, mas o árbitro ignorou o lance e mandou o jogo seguir. Assim, o Barça conseguiu assegurar a vitória e se mantém líder isolado do espanhol.