Mesmo beneficiado, Jayme aponta erros do árbitro: "Não tem qualidade para o clássico"
Jayme reclama da arbitragem para o Clássico dos Milhões (Foto: Reprodução/AE)

A polêmica invadiu o Clássico dos Milhões. Neste domingo (16), Vasco e Flamengo se enfrentaram pela 8ª rodada do Campeonato Carioca e a partida foi cercada por críticas. O rubro-negro venceu por 2 a 1 em um jogo onde os erros da arbitragem de Eduardo Cordeiro Guimarães foram tão grotescos que, até quem foi beneficiado, reclamou. 

"Falar de árbitro é muito chato, mas preciso falar. Não vou ficar aqui denegrindo o profissional. No meu modo de pensar ele não tem qualidade para apitar um clássico. Se a bola entrou foi um erro, mas no segundo tempo ele não pode recompensar isso. O Vasco faz 30 faltas e ele não prejudica o Flamengo. É duro, jogo difícil para caramba. Acho que ele ainda não tem condições de ser o árbitro do Flamengo x Vasco. A culpa é de quem colocou ele lá" disse o técnico do Flamengo, Jayme de Almeida.

Para ele, o Flamengo não jogou nem 40% do que poderia jogar no primeiro tempo, melhorando apenas com a entrada do volante Muralha nos 45 minutos finais. "No primeiro tempo, o Vasco jogou e o Flamengo não. Mérito deles, jogaram melhor do que nós. Não jogamos nem 40% do que dava para jogar. O Vasco foi melhor e poderia ter ganhado o jogo. No fim saiu aquele gol de falta. No segundo tempo ficou mais parelho com a entrada do Muralha. Flamengo e Vasco é sempre muito disputado. Acabou no fim o Gabriel fazendo um belo gol e vencemos" disse Jayme.

Na coletiva, o treinador rubro-negro ainda elogiou a postura dos rubro-negros, que pediram para jogar mesmo após a desgastante viagem de 20 horas de volta do México, onde estreou na Libertadores. O treinador ainda elogiou Gabriel e confirmou um time reserva na partida contra o Madureira, quarta-feira, no Maracanã. O Flamengo segue na vice-liderança do Carioca, com o mesmo número de pontos do primeiro colocado, o Fluminense, com 19 pontos.

VAVEL Logo