Com gol de Amaral, Chapecoense bate Joinville fora de casa e mantém ponta no Catarinense

Equipe de Gilson Kleina vence fora de casa em jogada de bola parada

Com gol de Amaral, Chapecoense bate Joinville fora de casa e mantém ponta no Catarinense
(Foto: Beto Lima/JEC)
Joinville
0 1
Chapecoense
Joinville: Emerson; Hélder (Dick), Bruno Aguiar, Evaldo e Alex Ruan; Michel Scmöller, Eduardo Person, Murilo Rangel (Breno), Madson e Elias (Marylson); Rafael Grampola. Técnico: Rogério Zimmermann.
Chapecoense: Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Nery Bareiro e Vinícius Freitas (Alan Ruschel); Amaral, Márcio Araújo, Elicarlos (Luiz Antônio) e Nadson; Guilherme (Osman) e Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina.
Placar: 0-1, min. 45+1, Amaral;
ÁRBITRO: Braulio da Silva Machado, auxiliado por José Roberto Larroyd e Carlos Felipe Schmidt.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Catarinense 2018, sendo disputada para 2.554 torcedores na Arena Joinville/SC

Em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Catarinense 2018, Joinville e Chapecoense se enfrentaram na noite deste sábado (10) na Arena Joinville. O time da casa não conseguiu segurar o Verdão do Oeste e acabou derrotado por 1 a 0. Amaral, no fim do primeiro tempo, marcou o único gol da noite.

O time da casa, que estava há duas rodadas sem vencer, entrou em campo determinado a somar três pontos. A Chapecoense, por sua vez, também buscava a vitória para manter a liderança do estadual. A partida começou com muita marcação, com isso o jogo ficou muito preso no meio de campo. A primeira chegada ao ataque foi do time da casa, aos seis minutos. Madson fez jogada pelo lado esquerdo e mandou a bola para a área, mas Rafael Grampola não conseguiu alcançar. Em mais uma chegada do Tricolor, Madson arriscou da entrada da área, mas a bola saiu por cima.

A primeira chance da Chapecoense foi aos 15 minutos. Elicarlos apareceu no ataque e finalizou do jeito que deu, mas a bola saiu sem direção e passou por cima do gol de Emerson. Após algumas faltas, principalmente no meio de campo, o Joinville conseguiu balançar as redes aos 22 minutos. Porém, o gol não valeu. Madson encontrou Grampola livre e o centroavante marcou, mas o assistente assinalou impedimento do meia. Madson ainda recebeu cartão amarelo no lance por reclamar da arbitragem.

A partida deu uma agitada nos minutos finais da primeira etapa. Aos 42 minutos, Madson fez linda jogada pelo lado esquerdo e entrou na grande área. Na sequência da jogada o meia ficou caído e pediu pênalti. Bráulio da Silva Machado, árbitro do jogo, mandou a jogada seguir. Dois minutos mais tarde foi a vez do goleiro Jandrei brilhar. Rafael Grampola recebeu ótimo passe e finalizou, o arqueiro da Chape abriu os braços e impediu o gol.

O esforço da defesa animou o pessoal do ataque. A Chapecoense teve um escanteio a favor aos 46 minutos. Nadson foi para a cobrança e encontrou a cabeça de Amaral na primeira trave. O volante desviou para trás e abriu o placar para a equipe visitante. A jogada aérea é um dos pontos fortes do time de Gilson Kleina.

A segunda etapa foi de menos intensidade. A Chapecoense soube se defender muito bem e atacou com cautela. Guilherme, aos sete minutos, arriscou uma finalização, mas mandou para fora. Wellington Paulista também tentou aos 14, mas não teve sucesso. O Verdão quase aumentou sua vantagem aos 27 minutos. Luiz Antônio deixou Márcio Araújo na cara do gol. Coube a Emerson, com os pés, salvar o time da casa. A única chance do JEC na segunda etapa foi aos 39 minutos. Marylson cobrou escanteio e Evaldo finalizou de primeira. A bola passou muito perto da trave de Jandrei.

(Foto: Beto Lima / Joinville Esporte Clube)
(Foto: Beto Lima / Joinville Esporte Clube)

Com a vitória, a Chapecoense mantém a liderança do Campeonato Catarinense, agora com 30 pontos. Já o Joinville permanece na quarta colocação, com 17 pontos. O JEC ainda pode ser ultrapassado pelo Tubarão e pelo Brusque na rodada.

O próximo compromisso do Joinville pelo Campeonato Catarinense será no sábado (17), fora de casa, contra o Hercílio Luz, às 16h. Já a Chapecoense entra em campo no domingo (18), às 16h. O Verdão encara o Tubarão, também fora de casa.