Ex-presidente do Botafogo, Bebeto de Freitas falece após passar mal em CT do Atlético-MG

Dirigente do Galo desde o fim do ano passado, Bebeto foi cartola do Fogão entre 2003 e 2008

Ex-presidente do Botafogo, Bebeto de Freitas falece após passar mal em CT do Atlético-MG
Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

Depois de receber a apresentação do novo time de futebol americano do Atlético-MG, a Cidade do Galo passou por um momento de muita tensão e recebeu uma notícia muito triste. O ex-presidente do Botafogo e diretor de administração e controle do clube mineiro, Bebeto de Freitas, passou mal no momento em que apresentava a estrutura do CT para atletas da nova modalidade com a qual o Galo se vinculou e faleceu pouco depois. 

O diretor não chegou a deixar a Cidade do Galo após sofrer uma parada cardíaca. Os próprios profissionais do clube mineiro tentaram reanimá-lo, mas sem sucesso. A notícia foi confirmada pelo Atlético, que decretou luto oficial de três dias, assim como o Botafogo.

Bebeto de Freitas chegou ao Atlético no fim do ano passado para iniciar a atual temporada no clube mineiro. Ele foi atleta e treinador de vôlei, chegando a dirigir as Seleções Brasileira e Italiana no século passado. No futebol, Bebeto teve uma passagem pelo Galo em 1999 e chegou a presidir o Botafogo entre os anos de 2003 e 2008.

Em 2009, Bebeto teve uma nova passagem pelo Atlético, desta vez como diretor-executivo. No começo do ano passado, o ex-dirigente assumiu a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, trabalhando ao lado do ex-presidente do Galo e atual prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil. No fim do ano, aceitou o convite de Sérgio Sette Câmara, cartola atleticano, para o cargo de diretor de administração e controle da instituição alvinegra.